Anunciantes do futebol e F1 pressionam Globo para renegociar valores, diz site

(Reprodução)
Campeonatos de futebol parados. Fórmula 1 ainda nem iniciada e Olimpíada adiada para 2021. De acordo com o Notícias da TV, esse cenário pode significar uma perda de receita bruta considerável à Globo, sendo R$ 581 milhões só com os Jogos de Tóquio.

Com o futebol, F1 e Olimpíada a Globo faturou R$ 2,337 bilhões e recebeu antecipadamente dos patrocinadores, somente no ano passado, a quantia de R$ 1,045 bilhão, de acordo com balanço contábil.

Ainda segundo o Notícias da TV, anunciantes dos pacotes Futebol 2020 e Fórmula 1 já pressionam a Globo para uma renegociação. Pelo menos um deles quer rever valores e ter parte do dinheiro já pago de volta.

A Globo tem adotado um discurso de cautela e não considera a hipótese de devolver dinheiro a clientes. A anunciantes, seus executivos disseram nesta semana que esperam retomar as transmissões esportivas em maio, o que permitiria entregar quase todos os 85 jogos que prometeu no plano comercial do Futebol 2020.

Com o adiamento da Olimpíada de Tóquio, na terça-feira (24), a emissora tirou do mercado um plano de patrocínio que previa a venda de seis cotas de R$ 96,9 milhões cada uma, com uma ampla cobertura em transmissões na TV aberta, paga (SporTV), Globoplay e internet.




Anunciantes do futebol e F1 pressionam Globo para renegociar valores, diz site Anunciantes do futebol e F1 pressionam Globo para renegociar valores, diz site Reviewed by Ribamar Xavier on 26.3.20 Rating: 5

2 comentários:

  1. Os anunciantes da fórmula 1 ja tem o direito de receber uma parte do dinheiro de volta, porque eles pagaram pra ter 22 corridas e duas já foram CANCELADAS.

    ResponderExcluir
  2. Os da F1 acredito que terão melhor êxito. Agora os do futebol....

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.