Federações vão ter que mexer na fórmula dos estaduais para manter interesse da TV


Os campeonatos estaduais terminam neste final de semana e para 2020 precisam se adaptar ao novo calendário da CBF, que diminuiu a quantidade de datas (de 18 para 16) e manterem seus contratos com a Globo. Os contratos do Grupo Globo para o Campeonato Gaúcho e para o Campeonato Mineiro, por exemplo, valem até 2021, mas possuem uma cláusula de saída com o qual a emissora pode encerrar antecipadamente o acordo. As informações são do UOL Esporte, por Marcel Rizzo.

Com a diminuição das datas, as competições vão ter que elaborar fórmulas mais atraentes para manter o interesse da TV e patrocinadores. "Tive uma conversa muito franca com Fernando Manuel [Pinto, diretor de direitos esportivos da Globo] e me deixou bem otimista. Pretendem sim continuar, porém com algumas mudanças no calendário e fórmula", disse Francisco Noveletto, presidente da Federação Gaúcha de Futebol e empossado recentemente vice-presidente da CBF.

(Reprodução)
Procurado, Fernando Manuel Pinto disse que tem acompanhado com interesse as discussões e o engajamento da CBF e das federações estaduais sobre o futuro do calendário do futebol. Ele não quis comentar sobre relações contratuais, mas disse estar otimista com a agenda que está se apresentando para o futuro.

"Particularmente, espero ver refletida também a visão dos clubes nesse debate, isso é vital para a construção do quadro ideal para o futebol brasileiro. Certa vez destaquei os pontos positivos dos certames estaduais, da mesma forma que defendi uma avaliação de reposicionamento e redimensionamento dos mesmos, para o próprio desenvolvimento dos Estaduais. Vejamos. O que for melhor para o futebol brasileiro será melhor para o Grupo Globo. Percebo uma agenda que me traz otimismo", disse o diretor da Globo.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no INSTAGRAM.



Federações vão ter que mexer na fórmula dos estaduais para manter interesse da TV Federações vão ter que mexer na fórmula dos estaduais para manter interesse da TV Reviewed by Ribamar Xavier on sábado, abril 20, 2019 Rating: 5

5 comentários:

  1. É lógico que os estaduais tem que ser melhor trabalhado.Segue link do meu vídeo/audio da minha interpretação da música do Raul Seixas (tente outra vez):https://youtu.be/EGRSmIBvAB4

    ResponderExcluir
  2. Segue link da publicação do meu blog: https://alunoceunes.blogspot.com/2019/04/quarta-fase-da-copa-do-brasil-por-que-o.html?m=1

    ResponderExcluir
  3. Obviamente é do interesse da Globo manter os estaduais, mas com fórmulas mais interessantes e menos arrastadas. Basta ver os índices de audiência das finais em SP, RJ e RS, batendo recorde atrás de recorde.

    ResponderExcluir
  4. mudancas que interessam apenas a Globo e seu lucro não ao futebol brasileiro e os times, lógico que ela prefere o brasileirão para vender mais PPV, a CBF mais uma vez abaixando as calcas pra globo, o novo presidente da cbf é mais um safado, so querem saber dos seus bolsos cheios

    ResponderExcluir
  5. Dava até pra fazer em 15 datas, com 12 times na disputa.

    Faz 2 grupos de 6 times.

    1° Turno - Todos x Todos dentro dos grupos (5 jogos)
    Final 1° Turno - 1°A x 1°B - Jogo Ùnico (1 jogo)

    2° Turno - Times do Grupo A x Times do Grupo B (6 jogos)
    Final 2° Turno - 1°A x 1°B - Jogo Ùnico (1 jogo)

    Final do Campeonato - Campeão 1° Turno x Campeão 2° Turno (2 jogos)

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.