Turner não deve seguir com direitos da Liga das Nações, Eliminatórias da Euro e da Copa do Mundo na Europa

(Reprodução)
Na última semana, público, anunciantes, imprensa e clubes, foram surpreendidos com a notícia da extinção dos canais Esporte Interativo na TV. Menos de uma semana após a novidade, a própria Turner, dona da marca, ainda não sabe o que saber com alguns direitos de competições e eventos que o EI mantêm. Por enquanto, a programadora confirma apenas a transmissão do Campeonato Brasileiro, por seis temporadas, a partir de 2019 e da Liga dos Campeões da UEFA por um ciclo de três anos.

Por exemplo: Liga das Nações, Eliminatórias da Eurocopa e da Copa do Mundo na Europa e alguns amistosos, que não incluíam a seleção brasileira. A Turner não tem a intenção de seguir com os projetos, segundo publicou o UOL Esporte, por Gabriel Vaquer e Leandro Carneiro. A programadora quer devolver os direitos para que eles sejam vendidos para outra emissora.

Os direitos das Séries C e D do Campeonato Brasileiro serão repassados. A Copa do Nordeste também deverá estar em outra emissora.

Com relação aos campeonatos estaduais do Nordeste (a Turner detém todos os torneios da região, exceto o Baiano e Pernambucano), não há definição. A princípio, a intenção não é transmiti-los.

Os direitos dos torneios da Federação Internacional de Basquete serão devolvidos à entidade com o pagamento de multa.

"Com exceção dos direitos da Champions League e do Brasileirão, que já anunciamos que serão exibidos nos canais TNT e Space, a definição de como ficarão todos os outros direitos será definida nas próximas semanas", disse o canal em nota.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Turner não deve seguir com direitos da Liga das Nações, Eliminatórias da Euro e da Copa do Mundo na Europa Turner não deve seguir com direitos da Liga das Nações, Eliminatórias da Euro e da Copa do Mundo na Europa Reviewed by Ribamar Xavier on terça-feira, agosto 14, 2018 Rating: 5

8 comentários:

  1. Que bosta, praticamente todos os programas do EI faziam chamada da Liga das Nações, que vai ter a primeira rodada agora em setembro, com certeza a gente não vai ver, a não ser que os direitos sejam repassados de forma muito rápida para outra emissora. E eu não sei pq, mas eu tô achando que todos esses torneios de futebol que eram do EI vão cair no colo da Globo.

    ResponderExcluir
  2. Os diretores ficaram mais ricos e os protegidos continuarao empregados. Lamento pelos abiscoitados demitidos que sonharam com o tal proejto e nofim levam um tremendo pe na bunda como se fossem uns bexiguentos. vexame

    ResponderExcluir
  3. Eu acho que a audiencia da Champions pela TNT e Space, não vai ser grande coisa. A Turner acha que transformar estes canais em "superstation", vai alavancar a audiência. Já eu acho que somente na parte final da Champions é que veremso crescimento em audiência. Infelizmente quem controla os canais da Turner só pensam em dinheiro, e não tem um pingo de comprometimento com ninguém.

    ResponderExcluir
  4. Em não tendo mais um canal só de esporte, muitos eventos serão suprimidos mesmo. Na verdade os canais por assinatura estão ficando cada vez mais parecidos com os canais abertos.

    ResponderExcluir
  5. Eu acho e pouco todos ficavam fazer críticas ao grupo Globosat, agora veja o que eles fizeram com este canal,pode escrever aí na próxima temporada da liga dos campeões da UEFA eles não vão renovar,

    ResponderExcluir
  6. A Turner vai mostrar a Liga das Nações no EI Plus e no TNT e Space. Sabe por que? Dá audiência!

    ResponderExcluir
  7. A ESPN deveria fazer um acordo para transmitir a Liga das Nações, ficaria muito bom.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.