Por medo da repercussão, Globo deixa projeto de árbitro de vídeo da CBF

(Reprodução)
Ao colocar em votação o projeto para ter o árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro em 2018, a CBF informou aos clubes que só poderia ter o recurso no returno da competição. Tudo por conta do desembarque da TV Globo do projeto, segundo publicou o UOL Esporte, por Pedro Ivo Almeida.

No fim de 2017, a emissora resolveu que não participaria como responsável por disponibilizar imagens e outros recursos nos lances decisivos dos jogos.

Internamente, a cúpula da TV pesou que custo e mão de obra para o sistema ser colocado em prática seriam um problema. Além disso, entendeu que isso poderia gerar desgaste com torcidas.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Por medo da repercussão, Globo deixa projeto de árbitro de vídeo da CBF Por medo da repercussão, Globo deixa projeto de árbitro de vídeo da CBF Reviewed by Ribamar Xavier on 6.2.18 Rating: 5

2 comentários:

  1. Se tivesse 20 Eric Faria's na Globo dava pra fazer tranquilamente.

    ResponderExcluir
  2. Acho que a Globo está certa; Se o campeonato é dos clubes e da CBF, porque ela arcaria com o ônus das críticas ao VAR? Eles que se entendam para fazer a ideia funcionar na prática.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.