Em seu espaço no GE.Globo, denominado 'De Peito Aberto', o comentarista Casagrande falou sobre a discussão que teve como Paulo Vinicius Coelho (PVC) no programa 'Seleção SporTV'. Ele disse ser um "ex-jogador comentarista que nunca tive problemas com jornalistas nem mesmo quando jogava. E já falei diversas vezes que gosto dessa combinação numa partida ou em um programa. São duas visões diferentes num mesmo jogo, o que enriquece as opiniões sobre a partida".

"Já trabalhei com o PVC em jogos e já participamos de muitos programas esportivos juntos. E fora as inúmeras vezes em que já conversamos sobre futebol numa viagem, em coberturas de Copas do Mundo, em um jantar, em um café. E normalmente pensamos de forma diferente! Gosto de ouvir as opiniões dele porque me fazem refletir em cima das diferenças", continuou.

LEIA TAMBÉM
Casagrande e Paulo Vinícius Coelho trocam farpas ao vivo no SporTV: 'Você está sendo grosseiro'

Casagrande, em seguida, passa a elogiar PVC. "É um conceituado jornalista esportivo há muito tempo também e isso faz os nossos debates serem cheios de riquezas do futebol. Tenho uma memória absurda sobre tudo e ele tem muito conhecimento através de seus estudos. Sempre gostamos de discutir jogos e jogadores antigos porque temos essa capacidade".

O comentarista global afirma que, tanto ele quanto PVC, "somos do bem e isso nos deixa à vontade para entrarmos num debate mais profundo. Entre nós não existe prepotência e nem arrogância e sim defesa dos argumentos".

Casagrande então arremata: "Se a intenção de um programa esportivo é caminhar em um debate de mãos dadas, com todos dizendo "Concordo", é melhor não colocarem eu e o PVC nesse programa. Enfim, não existe discussão e sim debate. Não existe imposição e sim defesa de argumentos".

Foto: Reprodução/SporTV