(Foto: Goiás/Publicação)

Após a partida contra o Atlético na tarde deste domingo (25), o Goiás anunciou que não concederá entrevistas enquanto o Campeonato Goiano estiver sendo realizado. 

De acordo com o Sagres Online, a reclamação do clube ocorre em função da arbitragem e, pelas redes sociais, o clube chegou a postar que “perder ou ganhar faz parte do jogo. Mas ser prejudicado sempre pela FGF (Federação Goiana de Futebol) não dá mais!”. O Twitter oficial do Goiás ainda declarou que “toda vez o mesmo time é beneficiado”.

Após a partida, o assessor de Comunicação do Goiás, Fernando Lima, citou os lances em que o clube entende que houve erro de arbitragem e afirmou que a FGF, a Comissão Regional de Arbitragem ou o próprio Wilton Sampaio precisam se manifestar. “O Goiás não se pronuncia mais no Campeonato Goiano. Peço a compreensão dos colegas e quando começar a preparação do time para a Série B, vamos retomar novamente as entrevistas coletivas, especiais, todo o sistema do dia a dia, imprensa e clube. Mas, enquanto tiver o Campeonato Goiano, ninguém vai mais se pronunciar por parte do Goiás, nem diretoria, nem comissão técnica e também os jogadores”.