Narrador da Rádio Grenal chama jogador do Santos de 'crioulinho' e 'cidadão de cor'

Aconteceu na transmissão da partida entre Grêmio x Santos, na tarde desta quarta-feira (3). O narrador Haroldo de Souza, da Rádio Grenal de Porto Alegre, perguntou ao comentarista quem era o 'crioulinho' na ponta-esquerda (no caso Lucas Braga) do clube paulista e se referiu à ele como 'cidadão de cor'.

"Aquele crioulinho que está lá na ponta-esquerda do Santos, quem é ele?", questionou. Depois continuou: "Ah, o Lucas Braga que joga pela ponta de lá. É um moreno, né? Um moreno, um cidadão de cor", concluiu. 

AINDA SOBRE O ASSUNTO
Narrador que usou termo racista contra jogador do Santos pede desculpa: "não houve intenção de racismo"

O Santos se posicionou sobre o caso em uma nota e repudiou o episódio, "O Santos FC não vem por meio desta apenas lamentar ou repudiar os termos racistas utilizados pelo narrador Haroldo de Souza, da Rádio Grenal. Não cabem mais lamentos ou notas de repúdios sobre racismo em pleno 2021. Cabe ação e mobilização. O Clube, através de seu departamento jurídico, tomará medidas cabíveis, da mesma maneira esperamos uma reação efetiva do veículo de comunicação empregador desse senhor e da própria comunidade que compõe a audiência de tal rádio. É no silêncio, na omissão, na relativização frente ao preconceito que o racismo cresce silenciosamente e se estabelece de forma estrutural em nossa sociedade. Basta de tolerância com racismo! Basta! #TimeDeBrancoEDePreto", diz o clube.






Narrador da Rádio Grenal chama jogador do Santos de 'crioulinho' e 'cidadão de cor' Narrador da Rádio Grenal chama jogador do Santos de 'crioulinho' e 'cidadão de cor' Reviewed by Ribamar Xavier on 4.2.21 Rating: 5

3 comentários:

  1. Basta! Basta! Basta! Até quando conviver com este racismo estrutural?

    ResponderExcluir
  2. Combate ao racismo tá virando caça às bruxas. Chamar de moreno, cidadão de cor e criolinho virou racismo? O Haroldo não usou de maldade ao se referir ao rapaz. Muito radicalismo nisso, não foi pra isso tudo.

    ResponderExcluir
  3. Tem que ouvir o aúdio e ver em que tom ele usou essas palavras. Se usou normalmente como ele diz ou num tom pra ofender o jogador por alguma ação que não gostou dele em campo.

    Cara tem que ter muito cuidado do que fala na midia, seja na internet, no rádio, na tv...

    Lá atrás na epoca de CQC, numa das piadinhas do programa, Rafinha Bastos disse que comeria a Wanessa Camargo e o filho dela(grávida na epoca) também.

    Foi mandado embora da Band, mas certo ele, achando que ia ficar na impunidade, criou no YOUTUBE um canal e um quadro semelhante ao Pra quem você tira o chapéu do Raul Gil, o dele era em Quem você passa a rola, envolvendo nisso filha da Gretchen, a própria Wanessa e outros que ele tinha alguma richa.

    Foi condenado e teve que fazer acordo e se acertar na justiça por isso.

    O caso do narrador logicamente é menos ofensivo, mas hoje em dia não dá mais pra ele fazer isso. Se a 1, 20, 40 anos atrás saia chamando os jogadores em campo de "Polaco", "Neguinho", "Crioulo", se adeque ao tempo atual, se não ainda vai se dar mal.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.