Fórmula Indy, alguma vez o esporte "pegou" no Brasil?

Confira um pouco mais sobre a relação da modalidade com o Brasil

(Crédito: Reprodução/indycar.com)

A IndyCar Series, conhecida no Brasil como Fórmula Indy, é uma competição antiga de automobilismo, que no decorrer de sua história passou por algumas mudanças de nome.

A principal disputa é a tradicional 500 Milhas de Indianápolis, disputada em um circuito oval com os carros chegando até 400km/h, e que deu origem a criação da modalidade.

O público brasileiro é fanático por esportes, e quando falamos de corridas a linha é a mesma, mas o automobilismo no país é mais ligado a Fórmula 1, sendo a primeira lembrança da maioria quando tocamos no assunto.

Porém, a Fórmula Indy já teve um espaço reservado no público brasileiro, graças ao impulsionamento de uma fera das pistas, Emerson Fittipaldi, em um casamento com a Bandeirantes. Veja o conteúdo que a KTO Apostas Esportivas preparou para explicar melhor sobre este esporte. 

Fórmula Indy: quando o esporte “pegou” no Brasil
Nos anos de 1980, a Bandeirante se tornou na primeira emissora do Brasil a transmitir a Fórmula Indy na TV aberta. Dessa forma, a modalidade passou a ganhar popularidade no Brasil, com todos acompanhando as etapas na voz de uma lenda, Luciano do Valle.

A época casou com a chegada de Emerson Fittipaldi na modalidade. O brasileiro havia se aposentado da Fórmula 1, onde inclusive foi campeão mundial, e já trazia consigo uma bagagem e muitos fãs, sendo importante para o momento da Indy.

Com esse “casamento” de um ídolo chegando na nova modalidade e a transmissão na TV Aberta, a Fórmula Indy “pegou” no Brasil, pelo menos por um tempo, onde a população parava para assistir aos eventos na televisão.

Porém, com o passar dos anos a modalidade não conseguiu se manter na preferência dos brasileiros, que seguiram associando automaticamente o automobilismo a Fórmula 1.

Um dos motivos é que sempre surgiam nomes interessantes como Ayrton Senna e Rubens Barrichello, por exemplo, além de diversas lendas de outras nacionalidades, trazendo muita emoção.

O trabalho de divulgação da Fórmula 1 também sempre foi mais forte, se adaptando às novas tecnologias e interagindo com a chegada das redes sociais, além de ser figurinha carimbada na TV aberta pela Rede Globo, uma das maiores emissoras do país.

Dessa forma, mesmo com outros pilotos brasileiros indo bem na Indy, como Tony Kanaan e Helio Castroneves, a modalidade não caiu no gosto do público brasileiro, que prefere a Fórmula 1, e isso ocorre até os dias de hoje, mesmo sem nenhum piloto do país na categoria.




Fórmula Indy, alguma vez o esporte "pegou" no Brasil? Fórmula Indy, alguma vez o esporte "pegou" no Brasil? Reviewed by Ribamar Xavier on 2.12.20 Rating: 5

Um comentário:

  1. O Luciano du Valle era um dos maiores divulgadores da Indy no Brasil, sendo inclusive, um dos responsáveis pela vinda da corrida pra SP por um breve período, a SP Indy 300.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.