Globo vence nova disputa judicial contra Fifa e evita pagamento de R$ 478 mi por Copa

(Reprodução)

O Grupo Globo venceu em segunda instância o processo que move contra a Fifa para não pagar a parcela de 2020 do contrato de direitos de transmissão que envolve competições da entidade desde 2015 - incluindo a Copa do Mundo de 2022. A informação foi publicada pelo UOL Esporte.

Por conta da pandemia do covid-19, a emissora conseguiu uma medida cautelar em junho para não pagar os 90 milhões de dólares (R$ 478 milhões na cotação atual) à entidade, alegando principalmente que o valor fugia da realidade do momento atual. A Fifa tentou derrubar inicialmente a medida com uma liminar de emergência em setembro, mas não conseguiu. A entidade recorreu e esperou o julgamento na segunda instância, que aconteceu na semana passada.

O caso foi para o plenário, e por unanimidade, os desembargadores da 6ª Vara Empresarial da Justiça do Rio de Janeiro, deram novamente razão ao grupo brasileiro.

A Globo, com isso, pode renegociar o valor com a FIFA ou apenas pagar a parcela do contrato referente a 2021. A FIFA ainda pode recorrer em instâncias superiores, porém não revelou o que fará.




Globo vence nova disputa judicial contra Fifa e evita pagamento de R$ 478 mi por Copa Globo vence nova disputa judicial contra Fifa e evita pagamento de R$ 478 mi por Copa Reviewed by Ribamar Xavier on 20.11.20 Rating: 5

Nenhum comentário:

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.