Justiça dá decisão desfavorável ao Coritiba no caso 'Atletiba do YouTube'

(Reprodução)
A 9ª Câmara Cível do Tribunal da Justiça do Paraná (TJ/PR) manteve, por unanimidade, decisão desfavorável ao Coritiba no caso 'Atletiba do YouTube'. De acordo com o TribunaPR, o clube foi condenado a pagar as custas e despesas processuais, além de honorários advocatícios de R$ 75 mil – 10% do valor da causa. O valor total deve chegar a R$ 90 mil.

O Coxa processou o rival Athletico pela exibição da segunda partida final do Campeonato Paranaense, em abril de 2018, na Arena da Baixada. O jogo foi mostrado normalmente na internet até os 44 minutos do primeiro tempo, quando a Globo, detentora dos direitos de transmissão do evento, acionou o Youtube, que derrubou o sinal.

Os minutos finais do confronto, que valeu o título estadual ao Furacão, também foram transmitidos no Facebook do clube rubro-negro.

Após o episódio, o Coritiba entrou com ação pedindo R$ 750 mil como indenização por dano moral. Na primeira instância, o juiz Adriano Vieira de Lima afirmou que apenas a Rede Paranaense de Comunicação (RPC), detentora dos direitos de transmissão do torneio, teria o direito de cobrar ressarcimento. A emissora, no entanto, não acionou a Justiça.

Na última quinta-feira (9), a segunda instância manteve a decisão. O Coritiba defendia que seus torcedores foram prejudicados ao se deslocarem ao estádio sendo que o jogo acabou tendo transmissão.

“Os torcedores ao se deslocarem ao estádio prestigiaram o seu time e, certamente, não deixariam de contribuir com o Coritiba Foot Ball Club (notória a dedicação devocional dos brasileiros aos seus clubes de futebol) para assistir transmissão no canal do adversário. Diante disso, diversamente do que foi alegado pelo autor, não se vislumbrou qualquer prejuízo à honra objetiva, seja em relação aos parceiros comerciais ou torcedores”, aponta a decisão do desembargador Domingos José Perfetto.





Justiça dá decisão desfavorável ao Coritiba no caso 'Atletiba do YouTube' Justiça dá decisão desfavorável ao Coritiba no caso 'Atletiba do YouTube' Reviewed by Ribamar Xavier on 13.7.20 Rating: 5

2 comentários:

  1. Decisão acertada, se punissem o Atlético-PR nesse caso, teriam que punir a Federação Paranaense também por ter exibido os pênaltis de Atlético x Londrina seguindo essa mesma linha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo. Ou pune todo mundo ou ninguém. Não dá pra ter dois pesos e duas medidas.

      Excluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.