"O torcedor vai sempre poder ver o jogo", diz Rodolfo Landim sobre MP

(Foto: Agência Foto BR)
Em entrevista à Folha de S. Paulo, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, voltou a comentar a Medida Provisória do Governo Federal sobre a nova metodologia de negociação dos direitos de transmissão de jogos e disse que o documento vai tirar todos os clubes do Brasil das mãos da Globo. Para ele, o maior beneficiado é o povo.

"Liga para o presidente do Athetico, liga para o Bahia. A medida provisória, na verdade, não veio para o Flamengo. Veio para todos os clubes poderem sair das mãos da Globo. Viva a livre concorrência", disse.

"Quem é beneficiado no fim das contas? É o povo. O torcedor. Vai sempre poder ver o jogo. Esse é o princípio da MP", completou.

Landim ainda nega que a medida seja benéfica somente ao Flamengo, que atualmente é quem tem problemas nas negociações com a Globo e sequer havia vendido os seus direitos para o Campeonato Carioca. O presidente rubro-negro até admitiu que a ideia realmente partiu de um almoço entre ele e o presidente Bolsonaro, mas voltou a reforçar que a decisão é benéfica para todos.

"A medida abre para a livre concorrência. No Brasileiro, a Globo tinha comprado o direito de outros 11 clubes. Quando o Flamengo vai negociar, ela coloca um valor qualquer. Porque a lei mandava ter acordo com os dois clubes, não só com o mandante", diz Landim.

"No momento que eu tenho direito de vender os jogos que eu sou o mandante, para qualquer emissora, isso passa a ter valor. Como o valor que a Globo ofereceu era baixo no entendimento do Flamengo, a gente não fechou. Mas o problema é que a gente não tinha nenhum outro comprador. Quem sai prejudicado com isso? O telespectador. Porque ele acaba não vendo. E agora vai ter concorrência. Isso é o bonito da história", completa.




"O torcedor vai sempre poder ver o jogo", diz Rodolfo Landim sobre MP "O torcedor vai sempre poder ver o jogo", diz Rodolfo Landim sobre MP Reviewed by Ribamar Xavier on 19.6.20 Rating: 5

2 comentários:

  1. A mudança da lei é extremamente positiva, visto que já vemos alguns clubes se preparando para lançar canais na Internet com direito a transmissão de jogos.

    O problema é que, como quase todos são dependentes da Globo, contrária à medida, ela vai usar isso pra afetar a forma como as negociações acontecerão. Afinal, não vai querer pagar o mesmo valor acordado atualmente.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.