Coluna do Professor #272, por Albio Melchioretto


Colunista parabeniza TV Cultura pelo retorno das transmissões esportivas na programação.


(Reprodução)
ESPORTE É CULTURA

Primeiro no vôlei e depois pelo futebol. Nas quadras a TV Cultura tem feito um trabalho digno de elogios. Primeiro o avanço em relação a Globo. Placar na tela, com nome completo dos times - detalhe aos patrocinadores. Acompanhei na rodada passada o Pacaembu Ribeirão Preto versus Apan Blumenau. Não há problema em chamar em apenas Ribeirão Preto versus Blumenau, até mesmo porque os patrocinadores vão, e muitas vezes os times ficam, mas torná-los invisíveis, como a Globo faz é desmerecer quem paga a conta. Não omitir, está é a questão. Então, parabéns ao canal. Além disso, comentários precisos e centrados, equipe bem informada, uma transmissão a altura de sua tradição. Há coisas por melhorar, por exemplo, reportagem e entrevista direto no ginásio, intervalo produzido com informações da competição em geral.

E no futebol, com a criação do Departamento de Esportes no Canal, separando-o do jornalismo, há uma proposta de aumento de transmissões no canal. Esporte é um dos caminhos para retorno de mídia, e consequente comercial. E a coluna, há tempos, defende o envolvimento da televisão pública na transmissão de eventos. A Copa SP esta aí, e a tabela já divulgada, mas seria interessante, transmissões exclusivas, algo que a Cultura possa chamar atenção apenas para si. Outro ponto, a TV Brasil em seus eventos limitou-se a um canal regional exibidor e o sinal nacional, deixando várias parecerias sem esporte, já a TV Cultura pensa a transmissão em rede, isso atingirá o maior número possível de espectadores, outro ponto positivo. Mas ainda há uma pergunta que não quer calar: quais seriam as outras novidades?

VOCÊS DA IMPRENSA

A imprensa esportiva exagera e cria factoides onde não existem. Mal terminou o sorteio da Eurocopa e já bombou a manchete inovadora, em alguns veículos: “grupo da morte”. Na próxima Eurocopa, Alemanha, Portugal e França estarão no mesmo grupo, com mais um vindo do play-off classificatório. Ei cara pálida, como assim grupo da morte? Que “mané-morte”! Serão 6 grupos de 4 seleções, passando 3/4 delas para as Oitavas-de-final. Então, no dito grupo, de 4, até 3 poderão classificar-se. Morre apenas para 1. Há um exagero nas polêmicas em alguns programas esportivos, debates e outros. Isto é uma consequência exagerada das mesas-redondas e debates intermináveis. Além de prever com meses de antecedência o potencial de seleções, que nem sabemos quais jogadores as representarão, dianto do fato, menos. Muito menos no exagero dos temas.

Albio Melchioretto
albio.melchioretto@gmail.com
@professoralbio
SVM PROJETA INOVAÇÕES

Depois de algumas polêmicas e diminuição de pauta, o Sistema Verdes Mares (Ceará), promete um 2020 bem melhor. Algumas mudanças já foram anunciadas. Na Rádio Verdes Mares, a Verdinha, promete uma cobertura mais intensa no futebol local, a começar pelo Cearense. Na televisão, a TV Diário mostrará novamente a “Grande Jogada” no horário das 11h20, deixando o espaço das 14h00. O horário no final da manhã, historicamente, mostrou que a audiência é maior que a faixa que vinha ultimamente. Além de mostrar também jogos do Cearense, já que o estado perdeu a janela do Esporte Interativo.

A TV Diário e a Rádio Verdes Mares estão disponíveis para o Brasil através da OiTV, e nas “parabólicas digitais” através do sistema SAT HD Regional.





Coluna do Professor #272, por Albio Melchioretto Coluna do Professor #272, por Albio Melchioretto Reviewed by Ribamar Xavier on 8.12.19 Rating: 5

Nenhum comentário:

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.