Luís Roberto sobre substituir Galvão Bueno na final da Libertadores: 'situação desconfortável'

(Reprodução)

Após o narrador Galvão Bueno ser submetido à uma cirurgia de emergência, na última quarta-feira, em Lima, Luís Roberto foi escalado para substituí-lo na final da Copa Libertadores da América, entre Flamengo e River Plate. Apesar do desconforto pela substituição, o narrador embarcou para a capital peruana.


"Fui lá, mas ele estava dormindo. Bateu o sono de manhã porque tomou um remédio, e falei que não ia acordar ele. Fiquei uma hora e meia por lá. É uma situação desconfortável substituir um colega por problema de saúde. E ainda mais um problema desse, não é uma questão de filho doente. Falo para ele, para a Desirée (sua mulher), que é o Galvão do Brasil. É o nosso Galvão . Mas quando cheguei e vi que ele estava melhor, fiquei mais aliviado", disse Luís Roberto em entrevista ao UOL.

Luís Roberto revelou como é o cronograma horas antes da bola rolar. Apesar de ter sido assunto nos últimos dias, esse tipo de substituição é normal.

"A gente tem um raio-x do que os times fazem. Se andarem tudo no lugar certo, temos uma previsão do que vai acontecer no jogo. Nacho (Fernández, do River) é um jogadoraço, Everton Ribeiro também é um jogadoraço, e Gabigol e Bruno Henrique estão jogando demais. Final única tem componentes únicos. Na final da Champions, o Liverpool perdeu o Salah com poucos minutos e o goleiro tomou um frango. Mas sinto que os times estão muito inteiros. É muito legal. É um marco, porque é inédita essa final única", analisou.

Com informações do iG Esporte





Luís Roberto sobre substituir Galvão Bueno na final da Libertadores: 'situação desconfortável' Luís Roberto sobre substituir Galvão Bueno na final da Libertadores: 'situação desconfortável' Reviewed by Ribamar Xavier on segunda-feira, novembro 25, 2019 Rating: 5

2 comentários:

  1. E o CM ta ficando pra tras nessa história.

    ResponderExcluir
  2. Exagerou no "flamenguismo" como eu nunca havia visto. Tudo bem que o de maior torcida no Brasil e tem a questão da audiência, mas passou do ponto, reclamando do River e da arbitragem até acontecer a virada. É por essa e outras que o GV vai se tornar já, já o nº 1 da emissora.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.