Funcionário da TV Gazeta teve equipamento furtado no Morumbi na estreia do Brasil na Copa América


A TV Gazeta de São Paulo foi vítima de furto na noite desta sexta-feira, no estádio do Morumbi, durante a estreia da Seleção Brasileira na Copa América. De acordo com o Gazeta Esportiva, funcionário da Fundação Cásper Líbero, o cinegrafista Bruno Ramos também teve pertences roubados.

(Foto: Renato Pizzutto/BP Filmes)
Os objetos subtraídos dão conta de um refletor de led com carregador e bateria, um cartão de memória para câmera profissional, duas baterias de câmera, um cabo de áudio, uma maleta com kit de transmissão contendo seis modens de internet e cabos de vídeos. Além disso, Ramos teve furtado seu celular, mochila, fone de ouvido, vestimentas e documentos de identidade.

Todos os pertences e equipamentos estavam em um armário próximo ao setor de credenciamento, que deveria ser usado para armazenar objetos de transmissão que não poderiam entrar em determinadas áreas com cobertura de outra emissora de televisão.

Ao término do jogo, quando retornaram ao local, por volta de 23h15 (de Brasília), constataram que o armário havia sido aberto, o cadeado não mais estava ali e havia sinais de arrombamento. Como todos os pertences subtraídos, o caso foi registrado no posto do 1º Deatur Capital.



Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no INSTAGRAM.



Funcionário da TV Gazeta teve equipamento furtado no Morumbi na estreia do Brasil na Copa América Funcionário da TV Gazeta teve equipamento furtado no Morumbi na estreia do Brasil na Copa América Reviewed by Ribamar Xavier on sábado, junho 15, 2019 Rating: 5

Um comentário:

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.