Coluna do Professor #244, por Albio Melchioretto


DUNGALIZARAM A RELAÇÃO DO CLUBE/IMPRENSA

Em uma reportagem do Zero Hora (ZH), após vitória do Internacional sobre o CSA, em manchete que tratou da vitória o jornal escreveu: "Deu Moledo e cia", mas havia um grifo em "Deu Mole", expressão usada por Renato Gaúcho após a derrota para o Fluminense. Isso gerou críticas. O Renato Gaúcho orientou veto de entrevistas exclusivas para afiliada da Rede Globo , na ocasião. Mas é só mais um exemplo de birra. Eurico Mirando, o mestre da birra; Petraglia tem feito escola na frente do Athletico Paranaense. Mas são apenas alguns… Profissionais [?] do mundo da bola tem se especializado em dungalizar sua relação com a imprensa.

Colunista destaca as 'birras' dos profissionais do esporte com a imprensa (Reprodução/Zero Hora)
Antes de tudo é um problema de liberdade de expressão. Valor caro em nossa sociedade. A liberdade de imprensa somente tornou-se valor fundamental para manutenção da democracia durante a Revolução Francesa. Muito embora, no século passado, especialmente na segunda metade aqui no Brasil, tenhamos experimentado terríveis tempos de cerceamento e de autoritarismo. A redemocratização não eliminou limitação de expressão. E o caso do ZH, é notadamente uma imposição gremista de cerceamento da liberdade de expressão. Os espaços democráticos do Estado de Direito prevê a possibilidade da pluralidade de pensamento. Quando se diminuiu o discurso de outrem afronta-se claramente contra a todos estes valores construídos a duras penas nos últimos anos.

Albio Melchioretto
albio.melchioretto@gmail.com
@professoralbio
A Constituição Federal de 1988 prevê que nenhuma lei ou dispositivo pode vetar de qualquer forma a plena liberdade da informação jornalística. No caso gremista, há, ou melhor, houve uma tentativa de estabelecimento de um dispositivo de veto. Parem tudo! Se a liberdade de expressão é um valor e o jornalismo está creditado por qual o treinador gremista, pivô desta discussão, insiste? A única forma que vejo é categorizar como birra. A atitude exagerada do Grêmio contribui em muito para diminuir o papel da imprensa. A quem interessa desacreditar o papel da imprensa ou ainda, a quem é de interesse diminuir o sentido de verdade dos veículos de comunicação.

O problema não é o veto a entrevistas exclusivas, a questão é maior. O problema é o enunciado de acusação para a imprensa. São tempos, esteticamente feios estes que vivemos, há o excesso de puritanismo!




Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no INSTAGRAM.



Coluna do Professor #244, por Albio Melchioretto Coluna do Professor #244, por Albio Melchioretto Reviewed by Ribamar Xavier on domingo, maio 26, 2019 Rating: 5

5 comentários:

  1. É ridiculamente exagerado comparar a situação do Grêmio com um veto à liberdade de imprensa. O Grêmio apenas negou entrevistas exclusivas, que é uma vantagem oferecida aos grupos de mídia com boa relação com o Clube. Não fez nada contra qualquer liberdade de escreverem o que bem entenderem. Além disso, para quem vê de fora, pode parecer exagero do Grêmio. Mas o caso do "Deu Moledo" foi apenas mais um exemplo. Quem acompanha principalmente o Sala de Redação, programa de rádio da RBS, nota que existe um favorecimento ao Internacional na agenda do Grupo RBS.

    ResponderExcluir
  2. Claro, super válido um veículo de mídia usar da balela de "liberdade de expressão" pra zoar um clube de futebol quando a mesma tinha que noticiar fatos com imparcialidade. Que aguente as consequências, ora.

    ResponderExcluir
  3. Antes da Manchete,tudo estava nos conforme, agora por uma frase criativa, proibido entrevistas,muito barulho por nada!

    ResponderExcluir
  4. Com essa midia escrota que temos, plantam um monte de asneira pra gerar debates de 3 horas que leva a nada, a lugar algum, ta certo em fazer isso mesmo.

    ResponderExcluir
  5. Torcida do Grêmio é racista, e agora com o Renato Soberba Carioca, virou fascista tbm. Não é corneta, é informação.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.