Coluna do Professor #237, por Albio Melchioretto


E AÍ, QUEM É TIME GRANDE? SÓ O MEU!

O jornalista do SporTV, Rodrigo Capelo, causou burburinho na mídia especializada, em alguns clubes, no próprio canal, na concorrência direta e nas mídias sócias. Ele apontou, na semana que passou, uma lista com alguns clubes tradicionais que deixaram de estar grandes. Há de se concordar, a independer da torcida, que esta categorização é dinâmica. O que hoje é grande, amanhã poderá não ser.

Só para polemizar com alguns exemplos. Os dois finalistas do Brasileirão de 1985 já não são grandes. O campeão de 1978 e vice de 1986 também. Há um deca campeão Mineiro que hoje vive como ioiô. E o que dizer da finada Portuguesa – vulgo segundo time de todos os paulistanos. Nenhum deles é grande nos dias de hoje. Em um dado momento da história foram gigantes. Mas deixaram de ser.

Colunista afirmação de comentarista do SporTV sobre times grandes do futebol brasileiro (Reprodução)
E daí?

O que isso significa? Absolutamente nada. O Bangu, poderá ser campeão carioca este ano. O Santos poderá varrer o brasileirão com uma lenda. E daí? Se é ou deixou de ser grande? Tudo isso é especulação de bar para uma discussão sem sentido. Pode ter valor para o torcedor apaixonado e ao mesmo tempo ser apenas uma lista para preencher uma grade pobre de programa esportivo. O futebol é mágico, porque favoritismo não ganha jogo, então, estar numa lista, nada diz. Que me represente a apaixonada torcida do Íbis.

LIÇÕES DA NBA G LEAGUE

Na última terça-feira, a ESPN mostrou as finais da liga de desenvolvimento da NBA, a chamada G League. Até então, o torneio escondia-se no WatchESPN. Dois bons jogos. A liga constitui-se de times diretamente ligados às franquias da NBA, que trabalham com jogadores subaproveitados. As franquias usam de outras cidades como plataforma sede. O que garante o acesso expandido aos jogos. Ginásios cheios e bem estruturados.

Poderíamos aprender uma valiosa lição. Não é preciso reinventar a roda, apenas uma lição de casa competente ajudaria. Os canais Esporte Interativo recriaram o Brasileiro de Aspirantes. A organização do torneio não conseguiu movimentar todos os times da elite e buscaram outros da Série B para compor grupos. Estádios vazios, jogos escondidos e sem apelo. O que ficou da competição? Ela acontecerá este ano? A grade mídia falou dela? R.I.P.

Por que lá é um sucesso e aqui não conseguimos realizar uma gestão profissional do esporte? E ainda há quem acredite que o Brasil é o país do futebol!

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no INSTAGRAM.



Coluna do Professor #237, por Albio Melchioretto Coluna do Professor #237, por Albio Melchioretto Reviewed by Ribamar Xavier on domingo, abril 07, 2019 Rating: 5

4 comentários:

  1. O pior da questão dos "times grandes" é o fato dela ter sido levantada apenas para causar polêmica num programa desqualificado e acabou conseguindo seu objetivo. O mais constrangedor, das poucas vezes que vi o canal nesse horário, é que parece ser meio obrigatório até mesmo participantes de outros programas do Sportv darem palpite nessas questões normalmente estapafúrdias que aparecem nessa atração.

    Como o colunista disse, é uma questão para uma conversa de bar. Se fosse colocada de forma séria, jamais escreveriam essa lista que foi printada e colocada no ar. Deveriam discutir o pouco espaço na mídia de outras equipes e a questão de recursos financeiros e problemas que esses clubes sofrem. Porém preferiram fazem apenas burburinho sem muito sentido.

    Sobre o fato do Campeonato de Aspirantes não fazer muito sucesso por aqui, é muito pelo fato de, quando um evento é exclusivo de um canal aqui no Brasil, os outros boicotam, o que é uma pena. Então fica complicado realmente que algo fora aquilo que já passa na Globo, ter algum sucesso maior. Já aconteceu, como no caso da Copa do Brasil e da Copa do Nordeste, mas é raro.

    ResponderExcluir
  2. "Só para polemizar com alguns exemplos. Os dois finalistas do Brasileirão de 1985 já não são grandes. O campeão de 1978 e vice de 1986 também. Há um deca campeão Mineiro que hoje vive como ioiô. E o que dizer da finada Portuguesa – vulgo segundo time de todos os paulistanos. Nenhum deles é grande nos dias de hoje."

    Todos esses times citados nunca foram grandes, foram campeões uma vez ou outra; Se ganhar um título nacional ou vários estaduais é ser grande, Santo André, Criciúma, Juventude, Paulista de Jundiaí, ABC, são times grandes. kkkk. SQN.

    ResponderExcluir
  3. Falar sobre essa questão é mexer em um vespeiro.Segue link da publicação do meu blog com áudio/video da minha interpretação da música Tocando em Frente:https://alunoceunes.blogspot.com/2019/04/partida-aleatoria-brasil-x-inglaterra.html?m=1

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.