Programa da ESPN Brasil analisa performance de Ganso em partida que ele não jogou


Uma gafe foi cometida por comentaristas da ESPN Brasil no programa 'Bate Bola Debate' desta quarta-feira (27). De acordo com o UOL Esporte, eles analisaram a atuação de Paulo Henrique Ganso pelo Fluminense no duelo contra o Antofagasta, válido pela Copa Sul-Americana. Só que ele não entrou em campo e nem inscrito na competição está.

"Não foi uma estreia decepcionante (contra o Bangu). Ontem (contra o Antofagasta), o time inteiro não andou, não dá para jogar nas costas dele", analisou Celso Unzelte.

(Reprodução/ESPN Brasil)
O assunto teve início com o apresentador Bruno Vicari questionando se já dava para fazer alguma análise sobre o Ganso "após dois jogos". Na verdade, o meia entrou em campo apenas uma vez, contra o Bangu, pelo Campeonato Carioca.

"São dois jogos em que ele está conhecendo os caras. Acho que acelerou o processo para colocá-lo em campo", analisou Jorge Nicola, também sem perceber o erro.

Na sua vez de falar, Rômulo Mendonça admitiu não ter visto o jogo do Fluminense. "Estava vendo a NBA".

ATUALIZAÇÃO: O apresentador Bruno Vicari pediu desculpas ao público do programa por ter falado em segundo jogo de Paulo Henrique Ganso pelo Fluminense e informando que ele não está inscrito na Copa Sul-Americana. No Twitter, Vicari também se pronunciou sobre o caso. "Caros, desculpem pelo erro! Perguntei qual era a avaliação sobre os dois jogos do Ganso, mas ele não atuou ontem. Os comentaristas avaliaram a estreia, mas, mesmo assim, ficou a dúvida no ar pra quem assistia. Retifico aqui, como fiz no programa. Também peço desculpas ao Paulo Henrique Ganso", escreveu.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no INSTAGRAM.



Programa da ESPN Brasil analisa performance de Ganso em partida que ele não jogou Programa da ESPN Brasil analisa performance de Ganso em partida que ele não jogou Reviewed by Ribamar Xavier on quarta-feira, fevereiro 27, 2019 Rating: 5

12 comentários:

  1. Saudades eternas do velho bate bola do almoço: João Canalha, PVC, Mauro Cezar e Lúcio de Castro!

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ESPaNador do BraZZZZZZZZil ZIL ZIL.

    ResponderExcluir
  3. Eu admiro alguem perder seu tempo pra ver esse programa. Ontem zapeando os canais estavam comparando os companheiros do Messi e do Pelé. Esse é o nível que virou essa putaria chamada ESPN. Só assisto NBA, NFL e ligas européias.

    ResponderExcluir
  4. Até o momento do Joao Palomino assumir a direção do canal, a ESPN Brasil era o canal com as melhores análises de esportes da TV brasileira. Ai João Palomino chegou e em poucos meses destruiu o canal.
    Nao adianta o Vicari vir pedir desculpas e ao mesmo tempo mentir para defender seus comentaristas que estavam sim enganando os telespectadores fingindo que tinham assistido ao jogo do Fluminense na Sula.
    Uma vergonha que a ESPN Brasil propiciou.

    ResponderExcluir
  5. Comentario acima de Cassio Neto (Rio de Janeiro).

    ResponderExcluir
  6. Hoje em dia temos que ficar atentos a todo tipo de notícia, infelizmente a mídia perdeu o mais importante, a CREDIBILIDADE, só assisto esses canais de esportes quando tem algum evento ao vivo, evito o máximo tá assistindo esses tipos de programas, essa situação com Ganso só me faz pensar que era pra prejudicar a imagem do jogador, a mídia usa da liberdade de imprensa pra ser tendenciosa. Mídia é pra passar a notícia e cada um tirar suas próprias conclusões.

    ResponderExcluir
  7. Um programa que em Janeiro de 2017, ficava de segunda a sexta em mais de uma hora de duração falando do Borja. Borja isso, borja aquilo, o que ele come, veste, etc, etc. A partir disso, me irritei e parei de ver essas mesas redondas

    ResponderExcluir
  8. Quem diria?? A ESPN acabou dando razão para a estratégia da Turner de ter os eventos ao vivo em canais de pouco debate. O negócio ficou sério, e exemplos como esse apenas melam tambem a imagem dos jornalistas dedicados, q perdem horas de sono preparando suas análises p dia seguinte

    ResponderExcluir
  9. A ESPN tem quatro canais e nenhum conteúdo brazuca,mesmo que não fosse exclusivo, deveriam ter pelo menos pra ilustrar melhor os programas.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.