Morre em São Paulo, aos 72 anos, o jornalista esportivo Roberto Avallone


O jornalista e apresentador esportivo Roberto Avallone morreu nesta segunda-feia (25) aos 72 anos, em São Paulo. A informação foi divulgada pelo apresentador da Rede Bandeirantes, Milton Neves. De acordo com o comunicador, Avallone teve parada cardiorrespiratória, foi levado ao hospital, mas não resistiu.

(Reprodução/TV Cultura)
Profissional de imprensa desde 1966, ele teve dois Prêmios Esso como chefe da equipe que fez a cobertura das Copas do Mundo de 1978, na Argentina, e de 1986, no México. Com passagens pela RedeTV! e pela TV Gazeta, Avallone também trabalhou nas rádios Eldorado, Jovem Pan, Rádio Globo, Rádio Bandeirantes, Rádio Capital, Rádio Record e na BandNews FM.

O apresentador estava desde 2015 no SporTV, onde trabalhava como comentarista esportivo.

Com informações do Metro

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no INSTAGRAM.



Morre em São Paulo, aos 72 anos, o jornalista esportivo Roberto Avallone Morre em São Paulo, aos 72 anos, o jornalista esportivo Roberto Avallone Reviewed by Ribamar Xavier on segunda-feira, fevereiro 25, 2019 Rating: 5

4 comentários:

  1. Sinceros sentimentos... Ganhou meu respeito ao bater de frente com o babão puxa-saco corintiano Milton Neves no Mesa Redonda...

    ResponderExcluir
  2. ACOMPANHEI ELE NA MINHA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA NO PROGRAMA ESPORTIVO DA BAND. AQUI VAI OS MEUS PESO A TODA FAMÍLIA AVALLONE Q E PALMEIRENSE. UM GRANDE JORNALISTA . UMA FRASE Q NÃO ESQUEÇO Q É USADO POR OUTROS JORNALISTAS: BOMBA NO PALESTRA. 😥😥😥

    ResponderExcluir
  3. E olha quem deu a notícia, Milton Neves, que tinha um odio mortal dele.

    Gostava do Avallone, principalmente na epoca que comandava o Mesa Redonda na Tv Gazeta. De vez em quando falava umas bobagens, mas no geral, era um dos melhores nessa mídia esportiva brasileira.

    ResponderExcluir
  4. E falando em Milton Neves, dá quase pra montar um time dos desafetos dele na mídia.

    1 - Roberto Avallone
    2 - Silvio Luiz
    3 - José Luiz Datena
    4 - Jorge Kajuru
    5 - Juca Kichute
    6 - José Ultrajano
    7 - Flavio Prado
    8 - Emerson Leão
    9 - Luiz Ceará
    10-
    11-

    Uma frase marcante do Datena : "Tem bandido que tem mais honra do que gente que conheço".

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.