CBF decide processar empresa que ganhou direito de explorar venda internacional do Brasileirão


Vai parar na justiça o imbróglio envolvendo a CBF e a empresa BR Foot. A entidade que comanda o futebol brasileiro resolveu romper o acordo relacionado a direitos internacionais e placas do Campeonato Brasileiro e decidiu processar a empresa vencedora da concorrência inicial. O objetivo é pedir multa por descumprimento do contrato assinado no segundo semestre do ano passado. A nova venda dos direitos será feita de forma mais breve possível. As informações são do UOL Esporte, por Rodrigo Mattos.

(Reprodução)
Em concorrência no ano passado, realizada pela CBF, a BR Foot ganhou o direito a explorar a venda internacional do Brasileiro e as placas de publicidade do Brasileiro. Pelo acordo, pagaria R$ 550 milhões aos clubes, com uma comissão à confederação.

A partir de outubro, as duas partes entraram em litígio. A BR Foot alegou que houve descumprimentos a cláusulas de confidencialidade, e a CBF reclamou que não foi pago o valor de R$ 100 milhões de luvas. Após notificações extrajudiciais, a confederação anunciou o rompimento do contrato na quinta-feira.

O dirigente informou que a nova licitação tem que ser breve por conta da proximidade do Brasileiro que começará no início de maio.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no INSTAGRAM.



CBF decide processar empresa que ganhou direito de explorar venda internacional do Brasileirão CBF decide processar empresa que ganhou direito de explorar venda internacional do Brasileirão Reviewed by Ribamar Xavier on domingo, janeiro 27, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário:

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.