Presença do Corinthians foi determinante para DAZN comprar direitos da Sul-Americana


O Corinthians foi o atrativo que convenceu executivos do aplicativo DAZN a pôr as mãos nos bolsos e adquirir os direitos de transmissão da Copa Sul-Americana, de acordo com publicação do Yahoo!, por Eduardo Ohata.

Depois do fracasso do leião aberto e das negociações diretamente com as emissoras, a Conmebol teve a ideia de oferecer os direitos de transmissão ao aplicativo DAZN, especializado em esportes e com uma forte atuação dentro da Europa e dos EUA. Todavia, o dono do DAZN é o grupo Perform, um dos dois sócios da agência FC Diez, cuja função era justamente ofertar a Sul-Americana no mercado brasileiro e sul-americano.

(Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians)
Segue vivo na memória dos cartolas o escândalo envolvendo a Conmebol com o FOX Sports, que culminou no Fifagate e, no fim das contas, na queda de cartolas da própria Conmebol.

Assim, foram implementadas medidas para impedir uma repetição daqueles problemas: A negociação foi auditada pela Ernst & Young, a FC Diez se afastou e teve um papel limitado no processo, foi definido que a proposta do DAZN teria, obrigatoriamente, que ser no mínimo uma porcentagem maior do que a proposta que ficasse em segundo lugar.

Os preços mínimos giravam em torno de US$ 30 milhões/ano (cerca de R$ 120 milhões) pelos direitos da Sul-Americana no Brasil e US$ 20 milhões/ano para a América do Sul.

Na outra ponta, era preciso convencer os executivos do DAZN a pôr as mãos no bolso para produzir um valor superior ao que fora apresentado até aquele momento.

A tarefa  foi facilitada por um às que a Conmebol tinha na manga: a presença do Corinthians, um dos dois times mais populares do país, na próxima edição da Sulamericana.

Foi assim que executivos do DAZN ouviram que, para uma empresa especializada em esporte que está entrando no Brasil, nada melhor do que ter como chamariz para sua marca os Jogos da Sul-Americana, que terá entre seus times justamente o Corinthians.

Convencidos os representantes do DAZN, ficou nas mãos deles apresentar uma proposta pelos preços mínimos, correndo um pequeno risco de abrir espaço para uma segunda rodada, ou fazer uma oferta acima dos mínimos, garantindo os direitos de transmissão.

No fim das contas, o DAZN levou os direitos de transmissão da Sul-Americana ao apresentar uma oferta bem superior à do segundo colocado.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Presença do Corinthians foi determinante para DAZN comprar direitos da Sul-Americana Presença do Corinthians foi determinante para DAZN comprar direitos da Sul-Americana Reviewed by Ribamar Xavier on quarta-feira, dezembro 12, 2018 Rating: 5

6 comentários:

  1. A DAZN e Perform, a dona dos direitos. Eles não compraram por causa disso, porque já tinham antes do Corinthians ir para a competição.

    ResponderExcluir
  2. Absurdo , com tantos países na América Latina juntos. O valor para o Brasil ser mais caro.

    ResponderExcluir
  3. aí o corinthians manda os reservas e cai na primeira fase.

    já se sabe se inclui os direitos de tv aberta??

    ResponderExcluir
  4. Se for com o padrão de narração atual, e ainda cobrando, vai tomar preju.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.