Eduardo Monsanto anuncia saída da ESPN após 14 anos na emissora


Da redação do Esporteemidia.com

A ESPN não mais contará com os serviços do apresentador/narrador, Eduardo Monsanto, a partir de 2019. O anúncio foi feito pelo próprio profissional, nesta quarta-feira (5), em postagem nas redes sociais.

(Reprodução/Twitter)
"Queridos amigos: não seguirei nos canais ESPN em 2019. Saio agradecido por todas as chances que tive e pelas amizades que pude construir em 14 temporadas na casa", escreveu.

Dudu Monsanto é da leva de profissionais contratados na época em que o diretor de jornalismo da emissora era José Trajano.

Ao UOL Esporte, Dudu Monsanto falou sobre a saída da ESPN. "Realmente saí. Meu contrato acabava agora no dia 31, a empresa optou que não queria renovar. Tudo certo, não foi nada demais".

Em nota enviada a redação do Esporteemidia.com, a ESPN se posicionou a respeito: "A ESPN não renovará o contrato com o apresentador e narrador Eduardo Monsanto, jornalista que ingressou na emissora em 2005. Durante esse tempo, Monsanto contribuiu em diversas atrações com seu profissionalismo e dedicação. A ESPN deseja sucesso ao jornalista em seu futuro profissional".

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Eduardo Monsanto anuncia saída da ESPN após 14 anos na emissora Eduardo Monsanto anuncia saída da ESPN após 14 anos na emissora Reviewed by Ribamar Xavier on quarta-feira, dezembro 05, 2018 Rating: 5

17 comentários:

  1. Pena, era um bom narrador e apresentador; nessa fase da emissora infelizmente estava meio relegado à segundo plano. Canal perde mais um bom profissional.

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente está quase impossível comentar aqui, é propaganda demais. Tá complicado.

    ResponderExcluir
  3. Fiquei triste com a saída do Dudu. Um ótimo profissional e uma pessoa humilde :) sucesso Dudu

    ResponderExcluir
  4. Esse cara é muito bom, vai achar trabalho na Globo fácil. A ESPN é que tá com problemas sérios por perder um monte de gente boa e, principalmente direitos de TV. O Trajano Precisa voltar.

    ResponderExcluir
  5. Fontes não seguras dizem que Zé Elias é outro que ta rumando pra fora. Sinceramente duvido.

    ResponderExcluir
  6. Enquanto isso, para quem gosta de futebol, é duro seguir ouvindo a narração de Cledi Oliveira e cia. Do time atual de narradores só se salvam Paulo Andrade, Rômulo Mendonça (que nem pega futebol), Paulo Soares (que quase não está na escala) e Luiz Carlos Largo . Ainda assim não é pior que as concorrentes, pois com um pouco de esforço dá para aguentar Everaldo Marques e Rogério Vaughan.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que gosto não se discute mas, curtir a narração fraca do Luiz Carlos Largo e classificar como "suportável" a narração do Rogério Vaughan....tá de sacanagem, né.

      Excluir
    2. O Largo parece aqueles cara que morreu da Rede Vida. Ele serve apenas para narrar jogos da copinha e coisas do tipo.

      Excluir
  7. Excelente narrador e apresentador. Vai fazer muita falta. Com a perda de direitos talvez a Espn julgue não precisar de tantos narradores. Uma pena.

    ResponderExcluir
  8. Certamente vai arranjar outro lugar pra trabalhar. Ótimo apresentador, narrador ok (não me agradava o estilo dele), e que, até uns meses atrás, teve destaque por uma série na qual a ESPN falava do time ao qual ele preside, o Serrano.

    Eu acho que ele tem espaço num Sportv/PPV da vida (até narrou jogos de clubes mineiros na primeira metade dos acho nos 2000).

    ResponderExcluir
  9. Dudu Monsanto. Vc é mto bom jornalista. Vai cuidar do seu Serrano .Ele precisa de vc.

    ResponderExcluir
  10. Depois que o Palomino assumiu no lugar do Trajano a ESPN vai afundando em ritmo
    acelerado. Uma grande perda para quem aprecia jornalismo com competência a saída do Dudu Monsanto da emissora. Uma pessoa de cultura acima da média, inteligente e versátil. Enquanto isso Mauro Cezar, Zé Elias, só para citar alguns, continuam. Boa sorte Dudu.

    ResponderExcluir
  11. A ESPN tente que trazer o Jorge Igor e o André Henning para a equipe. Ai sim o negócio fica foda. Do jeito que o EI/Turner tá não para saber se amanhã você tá empregado e é claro que na ESPN se tem muito mais certeza, claro se fosse for realmente bom.

    ResponderExcluir
  12. A ESPN continua a abrir mão da qualidade. Morro a baixo. Una pena. Saudades de Trajano.

    ResponderExcluir
  13. É uma pena um exelexcel profissional, enquanto outros são um lixo aguentar cledi Oliveira narrando não dá..... Volta Trajano

    ResponderExcluir
  14. O Ultrajano, que nesse tempo de crise gerada pelos vermelhos, milhões de desemprego, é um dos poucos caras que tá empregando. Esses tempos atrás empregou até presidiário como comentarista esportivo por cartinhas. Uma pena que o comentarista é humorista também, a ponto de pedir para deixar de ser comentarista pra ser candidato a presidente da república. Ultrajano bem poderia contratar o demitido Monsanto também.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.