(Reprodução/Facebook/Esporte Interativo)
O monopólio das transmissões dos principais torneios nacionais e internacionais no Brasil pode estar com os dias contados graças a internet. A presença de sites e redes sociais nas disputa por transmissões de jogos está gerando uma nova briga por direitos de determinados campeonatos. Empresas como a Netflix e o Facebook estão começando a rivalizar com as gigantes brasileiras Globo, SporTV, ESPN e Fox Sport.

Neste ano, o Facebook já demonstrou os próximos passos que vai dar quanto a transmissão de futebol. Em um acordo com o Esporte Interativo, a rede social norte-americana anunciou que vai passar os jogos da Liga dos Campeões da Europa. Recentemente, o canal EI encerrou as atividades em TV fechada e ficou apenas com os assinantes do portal e também dos canais em redes sociais. Com isso, a saída de um dos principais torneios europeus da TV para a internet é um marco da mudança que temos nas transmissões.

Já a Netflix ainda namora com uma futura entrada no mundo das transmissões esportivas. Atualmente, a produtora prefere investir pesado em séries e filmes próprios na disputa por mais espaço no mundo do cinema. Porém, no ano passado, o presidente do Campeonato Espanhol, Javier Tebas, afirmou que já apareceu um interesse da parte da Netflix e também da HBO para uma possível compra dos direitos de transmissão. Mas, as duas produtoras não confirmaram e também não negaram qualquer tentativa de investimento.

Interatividade é chamativo para audiência
O público mais jovem está abandonando a TV e indo em direção da internet e do computador. Seja por conta de jogos de videogame ou até maior interatividade em redes sociais, o movimento faz com que as transmissões precisem se adaptar ao novo modo de assistir jogos. Por isso, as principais ligas e torneios ao redor do mundo já estão atentos para os novos veículos que vão conseguir se direcionar para o futuro. A ideia do telespectador sentado no sofá acompanhando o time está ficando no passado.

(Reprodução/Cartola FC)
No Brasil, o Cartola FC, jogo fantasy bastante conhecido no país, é uma amostra de como alguns telespectadores já passam mais tempo simulando os times na internet do que propriamente vendo as partidas. Este tipo de jogo online é comum também na Premier League, o Campeonato Inglês, com o Fantasy Premier League. Outros sites que aproveitam para aliar interação com transmissões ao vivo são os sites de apostas ao redor da Europa. O Betfair Intercâmbio, por exemplo, realiza uma interação diferente com quem acompanha de perto os jogos da temporada europeia. Outro exemplo bastante recente, e que começou este ano em Portugal, é o canal online Eleven Sport. O novo canal que está transmitindo diferentes torneios europeus no país conta com uma plataforma de streaming semelhante a da Netflix, porém focada nos jogos de futebol.

(Reprodução)
O futuro das transmissões ainda é uma incógnita, e é difícil fazer qualquer previsão correta e certeira. Porém, é possível prever que disputas por direitos e trocas de audiência serão assuntos comentados quase sempre. E uma possível entrada de outras produtoras de conteúdo como a Google ou a Amazon, que são empresas constantemente atualizadas em investimentos, é bem possível e viável. Canais tradicionais, como Globo e SporTV, vão precisar continuar se adaptando para se manterem como líderes.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.