Esporte Interativo recebe críticas por colocar narração de Vivi Falconi no segundo canal

(Divulgação/Esporte Interativo)
Depois de vencer o concurso A Narradora Lays, Vivi Falconi foi a Madri com o Esporte Interativo para narrar o jogo de volta da semi da Liga dos Campeões da UEFA, entre Real Madrid e Bayern de Munique, no Santiago Bernabéu, nesta terça-feira(1). As informações são do UOL Esporte (Ana Carolina Silva e Beatriz Cesarini).

Todavia, a emissora da Turner recebeu críticas por tê-la colocado no canal secundário, que não está disponível para todos os assinantes das diferentes operadoras de TV fechada.

O canal principal transmitiu a mesma partida com a voz de André Henning, narrador que já vinha trabalhando em outros jogos da Liga dos Campeões. Procurado, o EI alegou que a decisão foi tomada “na concepção do projeto, por uma questão de compromisso com patrocinadores da Liga dos Campeões e com o fã da competição, que se habituou a acompanhar as partidas com o André Henning”

O Esporte Interativo também reiterou que fará uma proposta para que Vivi permaneça no canal, bem como outras participantes. “Estamos muito orgulhosos”, afirmaram.

Embora o EI diga que a decisão de colocá-la no segundo canal foi tomada na concepção do projeto, ficou claro que muitos telespectadores estavam desinformados a respeito deste fato. Muitos foram à internet para reclamar da menor visibilidade dada à primeira mulher brasileira a narrar uma partida da competição europeia in loco – isto é, no estádio.

Assinantes escreveram que acompanharam o reality show desde o início e ligaram a televisão na expectativa pela narração de Vivi, mas que se surpreenderam ao descobrir que não poderiam acompanhá-la.

“A primeira mulher brasileira a narrar a Champions League direto do estádio! Tem que respeitar a Vivi!”, escreveu o perfil do Esporte Interativo no Twitter. No entanto, durante o jogo, quase todos os vídeos de lances publicados pela mesma página eram narrados por André Henning. Posteriormente, após o apito final, maiores amostras do trabalho da narradora foram devidamente postados nas redes sociais da emissora.

Vivi não emplacou bordões, mas emocionou Mauro Beting. “Você está carregando o sonho de muita gente com você”, disse o comentarista. Apesar de críticos à decisão da emissora, muitos internautas se empolgaram com a transmissão e parabenizaram o Esporte Interativo pela iniciativa – houve quem dissesse que preferia ouvi-la a escutar André Henning ou mesmo Galvão Bueno, que fazia o jogo na TV Globo. Foi comparada a Luciana Mariano, que, em 1977, foi a primeira mulher a narrar o futebol na TV brasileira.

No entanto, comentários pejorativos e machistas também inundaram as redes: neste caso, a análise dos telespectadores não se restringia à qualidade do trabalho de Vivi Falconi nesta partida, mas sim a uma percepção de que “é estranho demais ver mulher narrando”. Não deveria ser estranho: conheça melhor a nova geração de narradoras que tiveram as portas abertas pelo Esporte Interativo.

Em nota, o EI também deu destaque aos projetos das emissoras concorrentes, como o Fox Sports, que terá narradoras na Copa do Mundo (também em seu segundo canal), e a ESPN Brasil, que abriu espaços pontuais para a narração feminina.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Esporte Interativo recebe críticas por colocar narração de Vivi Falconi no segundo canal Esporte Interativo recebe críticas por colocar narração de Vivi Falconi no segundo canal Reviewed by Ribamar Xavier on maio 02, 2018 Rating: 5

12 comentários:

  1. Tirando alguns erros medonhos de nome dos jogadores, como "Kovalic"(Kovacic) e "Lucas Velásquez" (Lucas Vázquez), foi uma narração ok. Agora, Esporteemidia.com, tomem vergonha e corrijam informações da notícia copiada do UOL. Luciana Mariano narrou na TV em 1997, não 1977.

    ResponderExcluir
  2. Assisti por 15 minutos e achei bem padrão EI, ou seja, narração num tom alto, ruim de acompanhar. Todos os que conversei disseram a mesma coisa e por ser a versão feminina do André Henning, preferiram assistir na Globo ou com o próprio André (o que fiz, abaixando o volume da televisão).
    Parabéns pela iniciativa do canal, quero acompanhar as da Fox também, tomara que possam fazer transmissões de forma diferente, agregando ainda mais conteúdo a transmissão.

    ResponderExcluir
  3. Tinham que ter colocado ela pra narrar o jogo de hoje.

    ResponderExcluir
  4. Vi um pouco, não gostei, coloquei no Henning mesmo. Mas,tomará que de certo o futuro dessa menina, e das outras que participaram do reality.

    ResponderExcluir
  5. Achei feio e desrespeitozo. Prometeram uma coisa para a guria e fizeram outra. E estava horrivel a irradiaçao dela. Fiquei com pena da moça. Espera o quê desse canal

    ResponderExcluir
  6. Não gostei da narração, nem mesmo minha esposa gostou kkk

    ResponderExcluir
  7. Vi o jogo de ida do Liverpool com ela e a outra finalista, achei aceitável, dá pra narrar alguns jogos de menor expressão no canal. Agora, também não dá pra querer forçar a barra e tirar os narradores da casa dos principais jogos pra colocar ela, né. Aí já seria lacração demais.

    ResponderExcluir
  8. Narração horrorosa. Não sou muito fã do Henning, mas também optei em assistir com ele. Espero que as narradoras da Fox nos surpreendam. Até agora não conheci nenhuma mulher narrando bem.

    ResponderExcluir
  9. Narração ridicula e horrorosa. Só não vê o ativismo feminista quem não quer. Tristes tempos de ideologias em tudo. R.I.P Esporte Interativo.

    ResponderExcluir
  10. se tivesse colocado ela no primeiro canal teria ainda mais críticas kk nao foi prometido nada de narração no primeiro canal, narração in loco (coisa que o henning não fez) já é uma grande coisa

    ResponderExcluir
  11. Os plantonistas iriam atacar de toda a forma, seria uma irresponsabilidade muito grande colocar a vencedora para narrar uma semifinal da Champions no canal principal, para mim ocorreu o que tinha de ocorrer, esse pessoal procura pelo em ovo para poder criticar o E+I, mas isso é de se esperar pra um canal que quebrou vários tabus, foi ousado, conquistou seu espaço, foi subestimado por muitos e está aí fazendo a maior cobertura da Champions que o país já teve. Os pontos positivos deste canal superam e muito os negativos.

    ResponderExcluir
  12. Logo se vê que o esquema do EI foi bem diferente do da Fox que a princípio tinha exigido fotos das concorrentes.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Loading...
Tecnologia do Blogger.