Compra do FOX Sports pela Disney ameaçada por oferta bilionária nos Estados Unidos

(Reprodução)
A aquisição de propriedades da FOX, incluindo os canais FOX Sports de territórios fora dos Estados Unidos, pela Disney, dona da ESPN, por US$ 52 bilhões, passou a ser ameaçada por uma possível oferta de US$ 60 bilhões, em dinheiro, da Comcast. As informações são do UOL Esporte, por Eduardo Ohata.

A operadora americana de TV paga pediu um empréstimo ponte a bancos de investimento para viabilizar a oferta. A Comcast levará adiante seus planos, dependendo da decisão positiva da Justiça americana de permitir ou não a compra da Time Warner pela AT&T, uma situação muito similar à eventual aquisição dos ativos da FOX por ela. Se a Justiça permitir a aquisição da AT&T, seria interpretado como um ''sinal verde'' aos planos da Comcast.

Coincidência ou não, fontes ligadas às emissoras no Brasil ressaltaram nos últimos dias que FOX Sports e ESPN não podiam ainda ser considerados co-irmãos, já que o negócio precisa do aval da agência antitruste americana. Por isso, repetiram, os dois canais não fazem ''jogo de equipe'' na compra de direitos de TV e tampouco ''colocaram o pé no freio'' nas negociações de aquisições de propriedades que os interessam. A justificativa vinha na forma de questões: ''E se a aquisição for barrada nos EUA? Como é que fica o canal que deixar de adquirir programas e competições para sua grade confiando que tudo vai dar certo?''

Embora executivos da Disney tenham manifestado despreocupação em relação à oferta da Comcast, a cautela é adotada quando se fala no reflexo do negócio.

O vice-presidente executivo da ESPN, Russell Wolff, visitou afiliadas pelo mundo, incluindo a ESPN Brasil, explicando detalhes sobre a aquisição do FOX Sports, como o cronograma, e como a aquisição impacta o lançamento do aplicativo da ESPN, lançado há poucas semanas no mercado norte-americano.

''Se sair esse negócio [aquisição da Fox pela Disney], que levará ainda entre 12 e 18 meses, vamos ter uma gama de direitos [de TV] diferente da que temos hoje, será uma mudança de horizonte'', ouviram de Wolff funcionários da ESPN Brasil a questão de poucos dias.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Compra do FOX Sports pela Disney ameaçada por oferta bilionária nos Estados Unidos Compra do FOX Sports pela Disney ameaçada por oferta bilionária nos Estados Unidos Reviewed by Ribamar Xavier on maio 10, 2018 Rating: 5

11 comentários:

  1. Não fico feliz com essas aquisições. Seria muito mais interessante aqui no Brasil continuarmos com a Espn e o Fox Sports como opções diferenciadas. Além disso, que tal eles trazerem a NBC Sports pro Brasil? Seria mais uma opção alternativa.

    A NBC Sports poderia dividir a transmissão de jogos das ligas americanas (NHL e NFL principalmente), poderia comprar a Euroliga que não passa faz um tempo aqui no Brasil. E poderia também investir em modalidades olímpicas.

    Sempre temos opções e espaço no mercado se quiserem trazer um produto diferenciado. Claro que não acredito que isso ocorra, infelizmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. A Euroliga é uma competição de alto nível e não pode ficar de fora da grade. Campeonatos nacionais de futebol, como o grego, o turco, o russo e o japonês poderiam completar a grade.

      Excluir
    2. Concordo, para nós consumidores é melhor que Fox e ESPN continuem concorrentes.

      Excluir
    3. Fui relutante com uma vinda da Bein e seria com a NBC: nao mudaria muita coisa, só a Euroliga msm. Vide campeonato francês se o Ney sair do PSG, podem chamar canal de fora mas ficará menos interessante e, talvez, caro. Outro exemplo eh campeonato chines, nem a Nbc iria querer aquilo, mas acho a AFCCL mais interessante

      Excluir
  2. Só tá faltando o Flavio Pobbre pra dirigir essa novela.

    ResponderExcluir
  3. Por qual razão a Comcast não ofertou antes da Disney? Foi esperar a mesma fechar o negócio de $52 bi pra fazer uma oferta maior? Acho pouco provável a recusa por parte da agência regulamentadora pelos EUA por uma série de motivos que, se eu descrever aqui, se tornaria um texto gigantesco (e eu odeio escrever mais do que o necessário exceto cornetagem).

    ResponderExcluir
  4. o grupo Disney comprou os direitos de transmissões da fox Sports ou também comprou o nome da fox sports

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "A aquisição de propriedades da FOX, incluindo os canais FOX Sports de territórios fora dos Estados Unidos, pela Disney." Disney comprou as PROPRIEDADES, ou seja, os nomes, as sedes fora dos EUA, consequentemente, se tornando dona dos direitos televisivos que a Fox possua nessas áreas.

      Excluir
  5. Sem querer acabei cantando essa bola: a ESPN poderia e pode concorrer com a Fox em qlqer certame, nao estao unidas em nada. Vejamos o lado q o money os levará. O mercado norte-americano continua atirando p lua

    ResponderExcluir
  6. eu gostaria de mais opçoes para assistir campeonatos como nhl mlb nfl, campeonatos universitarios que a espn ja vez uma boa cobertura mas hoje em dia mostra um jogo ou outro e os bowls lançaram seu 4 canal mas so passa reprise

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.