Globo diz que não vai aumentar pay-per-view para fechar com Palmeiras, Atlético/PR e Bahia

(Reprodução)
Diretor de direitos esportivos do Grupo Globo, Fernando Manuel Pinto tenta convencer Palmeiras, Atlético/PR e Bahia — que acertaram com o Esporte Interativo em TV fechada — a aceitarem as ofertas de transmissão em TV aberta e pay-per-view para as edições do Brasileiro de 2019 a 2024. Os três clubes são os únicos da Série A que ainda não fecharam acordo com a emissora. As informações são da Folha de S. Paulo, por Diego Garcia.

Entre os motivos alegados para não aceitarem a proposta está a divisão da arrecadação do pay-per-view. Os times ficam com 38% do obtido com a venda de pacotes a assinantes. Outros 62% são divididos entre a emissora e operadoras. “O modelo [de pay-per-view] é justo. Os clubes são remunerados”, disse Fernando Manuel Pinto.

A proposta da Globo prevê ainda a aplicação de reduções no valor pago aos clubes que fecharam com o Esporte Interativo. A emissora quer diminuir em 20% (para TV aberta) e 5,2% (em PPV, por jogo) os novos contratos para quem assinou com a rival.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Globo diz que não vai aumentar pay-per-view para fechar com Palmeiras, Atlético/PR e Bahia Globo diz que não vai aumentar pay-per-view para fechar com Palmeiras, Atlético/PR e Bahia Reviewed by Ribamar Xavier on domingo, abril 29, 2018 Rating: 5

3 comentários:

  1. Clubes deveram exigir pelo menos 50% do arrecadado e ficaria ainda 50% para Globosat e operadoras.

    ResponderExcluir
  2. Bando de folgados,paga logo,dinheiro tem de sobra.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.