Juninho Pernambucano fala em preconceito da torcida e Flamengo rebate em nota

(Reprodução)
As afirmações de Juninho Pernambucano sobre um suposto preconceito de parte dos torcedores do Flamengo com o lateral Renê por ele ser nordestino repercutiram na diretoria do clube. Por meio de seu site oficial, o Flamengo rebateu os comentários do ex-meia no SporTV nesta sexta-feira (30) e afirmou que o comentarista "desconhece" a história do time rubro-negro. As informações são do UOL Esporte.

"O Clube de Regatas do Flamengo vem a público lamentar profundamente a acusação grave e infeliz e tem certeza de que o profissional desconhece profundamente a história rubro-negra escrita por Dida, Zagallo, Junior, Nunes, Bebeto, Obina, Ronaldo Angelim, entre outros."

A diretoria disse, que por o Flamengo ser um clube de massa e ter grandes torcidas em todos os Estados do Brasil, dificilmente haverá xenofobia e outras formas de preconceito entre os próprios rubro-negros.

"O Flamengo sempre estará à frente de todas as lutas. Seja contra o racismo, pela luta da mulher por respeito no trabalho, causas sociais e tudo que for relevante para construir um mundo melhor. Nosso DNA não combina com discriminação, muito menos com a xenofobia."

O clube ressaltou que a opção por não utilizar Renê "restringe-se a escolhas táticas, técnicas e físicas". "Vale ressaltar que o comentarista fez outras críticas, emitiu opiniões sobre atletas e o comando do clube. Democráticos e inclusivos que somos, respeitamos a liberdade de expressão, mas uma acusação de preconceito não podemos aceitar."

Toda a polêmica começou ainda na manhã desta sexta-feira (30). Durante o programa 'Seleção SporTV', o comentarista afirmou que o Flamengo "está uma bagunça" e acusou a torcida rubronegra de pedir a saída do lateral Renê do time titular por ser nordestino "A torcida quem escalou o Vinicius Jr. Foi a torcida quem tirou o Renê. O time vai para uma semifinal precisando empatar e a torcida tira o Everton, que é decisivo, lá da ponta esquerda para improvisar na lateral porque tem que pôr o Vinicius e porque o Renê é ruim. Como o Renê chegou ao Flamengo se é ruim? Cada um tem sua característica. O Renê é feio, nordestino, e não é amigo de ninguém. O Brasil é preconceituoso e a torcida da massa é preconceituosa", disse Juninho.

Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.



Juninho Pernambucano fala em preconceito da torcida e Flamengo rebate em nota Juninho Pernambucano fala em preconceito da torcida e Flamengo rebate em nota Reviewed by Ribamar Xavier on março 31, 2018 Rating: 5

3 comentários:

  1. JUNINHO ANDA MUITO PSOL #CalaABocaJuninho

    ResponderExcluir
  2. Politizar a saída de um jogador do time, é o fim da picada mesmo. É muita paranoia politica.

    ResponderExcluir
  3. Juninho, fica de boca fechada que você se defende melhor. Boca fechada não entra mosquito e nem mosquita.

    ResponderExcluir

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Loading...
Tecnologia do Blogger.