Repórter da ESPN Brasil é agredido enquanto fazia cobertura da eleição do Corinthians

Da redação do Esporteemidia.com

O repórter Flávio Ortega, da ESPN Brasil, foi agredido por torcedores enquanto tentava realizar a cobertura da eleição para presidente do Corinthians no último sábado (3). A agressão ocorreu após o pleito. Veja o vídeo abaixo.

"Eles tentavam derrubar o nosso equipamento. Eles morderam o braço do nosso câmera, o Marcelo, pra que derrubasse a câmera. No momento em que derrubou a câmera, ele ainda levou outro soco na nuca. Eu tentei socorrê-lo e fiquei um pouco mais vulnerável", disse o jornalista em participação no Bate Bola, da ESPN.

"Eles não queriam que a gente filmasse. Não queriam que houvesse a identificação desses vândalos, não queriam que a gente mostrasse o rosto deles. Muitos torcedores estão até se desculpando, dizendo que se sentem envergonhados pela atitude desses vândalos. Quero deixar bem claro que sei bem separá-los, está tudo certo", acrescentou Ortega.

Neste domingo (4), o Corinthians publicou nota oficial lamentando a confusão. O clube disse que trabalha para encontrar os torcedores que agrediram o repórter. "O clube que contava com um corpo de segurança especialmente montado para a eleição comunicou todas as autoridades solicitando policiamento para o dia do evento", escreveu o time na nota oficial.

Confira a nota de esclarecimento na íntegra:
O Sport Club Corinthians Paulista lamenta profundamente o episódio ocorrido após a apuração da eleição para Presidente e Conselheiros que aconteceu no sábado (03 de fevereiro de 2018).
O clube que contava com um corpo de segurança especialmente montado para a eleição comunicou todas as autoridades solicitando policiamento para o dia do evento.
O presidente Andrés Sanchez, que assumiu o cargo após a eleição, ligou pessoalmente ao repórter Flávio Ortega dos canais ESPN, se desculpando pelo fato e lamentando o ocorrido.
Como o acontecimento foi público e com vasto material colhido pela imprensa, o Corinthians espera que aos invasores sejam identificados e punidos pelas autoridades.
O Sport Club Corinthians Paulista também espera que situações como essas não se repitam.


NOTA FOX SPORTS
O FOX Sports divulgou nota repudiando "veementemente comentário falso em nome da empresa que está circulando nas redes sociais em apoio à agressão sofrida por profissional do canal ESPN, após eleição presidencial do Corinthians". O canal diz ser contra os princípios da empresa qualquer tipo de incitação à violência entre torcidas e contra a liberdade de imprensa.



Curta nossa página no FACEBOOK.
Siga o Esporteemidia.com no TWITTER.
Nos acompanhe no GOOGLE+.




Repórter da ESPN Brasil é agredido enquanto fazia cobertura da eleição do Corinthians Repórter da ESPN Brasil é agredido enquanto fazia cobertura da eleição do Corinthians Reviewed by Ribamar Xavier on 5.2.18 Rating: 5

Nenhum comentário:

O que achou dessa informação? Compartilhe conosco!

Os comentários ofensivos serão apagados.

O teor dos comentários é de total responsabilidade dos leitores.

Tecnologia do Blogger.