Header Ads

Por conta da Copa, Globo cria dois pacotes comerciais para o futebol 2018

Emissora começa a apresentar as agências os pacotes da temporada 2018 de futebol e da Copa da Rússia (Reprodução)
A temporada de 2018 de futebol deve reforçar as cifras da Globo. Assim como faz em anos de Copa do Mundo, a emissora criou dois pacotes comerciais para a temporada (um para as tradicionais transmissões nacionais e internacionais e outra exclusivamente para o Mundial da Rússia). As informações são do Meio e Mensagem, por Bárbara Sacchitiello.

Somados, os dois pacotes comerciais podem render o montante total de R$ 2,460 bilhões (considerado o preço de tabela de todas as cotas de patrocínio). Os planos comerciais começaram a ser apresentados nesta semana aos departamentos de mídia das agências de publicidade cujos clientes já são cotistas do futebol da Globo.

O pacote de Futebol 2018 – que engloba o Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Copa Libertadores da América, Campeonatos Estaduais, Copa-Sulamericana e Amistosos da Seleção Brasileira – teve o valor reduzido em relação ao preço do ano passado – por conta, justamente, do pacote adicional da Copa da Rússia. Para o Futebol 2018, a emissora está oferecendo ao mercado seis cotas de patrocínio, com valor de tabela de R$ 230 milhões cada. Para 2017, o preço de cada cota foi de R$ 283 milhões. Nessa negociação, têm prioridade os atuais patrocinadores do futebol da Globo: Banco Itaú, Ambev (Brahma), Chevrolet, Johnson & Johnson, Ricardo Eletro e Vivo. A SporTV, canal pago da Globosat, também revelou seu pacote de futebol para a temporada.

Copa do Mundo
Já para a Copa da Rússia, o plano comercial da Globo também contempla seis cotas de patrocínio, com valor de tabela de R$ 180 milhões cada. O valor é praticamente o mesmo do cobrado no plano comercial da Copa de 2014, ocorrida no Brasil (R$ 179,8 milhões). A diferença é que, em 2014, a Globo colocou no mercado oito cotas de patrocínio. Para a próxima Copa, serão seis.

Nas negociações que envolvem a Copa do Mundo, têm prioridade nas negociações os parceiros oficiais globais da Fifa. Pelos critérios da entidade de futebol, essas marcas possuem um período de algumas semanas para manifestar seu interesse no plano. Após esse período, a negociação é estendida aos demais anunciantes do País.

Embora o torneio dure aproximadamente um mês, a Copa do Mundo possui uma entrega de mídia bem mais longa na programação da emissora. A Globo costuma dar visibilidade aos patrocinadores nos meses que antecedem a Copa e em toda a cobertura sobre a preparação das seleções.

Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.