Header Ads

Coluna 'Quem Te Viu, Quem TV', por Carlos Salvador #28

Colunista comenta denúncia do Santos contra o repórter Eric Faria (Reprodução)
Passou vergonha
É o que podemos dizer do presidente do Santos Futebol Clube, Modesto Roma. Não bastasse apoiar o tal ofício do clube enviado a CBF contra o repórter Eric Faria, ter discutido asperamente com comentaristas do programa BATE BOLA da ESPN, defendendo o tal ofício de repudio, agora descobriu que não havia prova concreta nenhuma contra o repórter da TV Globo. Além do risco de suspensão pelo STJD, há o risco de ser processado pelo profissional e também pela Globo. Tudo isso porque não estava presente no estádio e simplesmente confiou no que ouviu de seus aliados durante o jogo.

Vai ter SuperCopa

A partir do próximo domingo, teremos a disputa da Super Copa da Espanha, entre Real Madrid e Barcelona. As duas partidas serão transmitidas com exclusividade para o Brasil pela ESPN. Não há divisão ou sublicenciamento com a Fox. Motivo: Os direitos de transmissão da Super Copa são negociados com a Real Federação Espanhol da Futebol, e não com La Liga. E somente a ESPN chegou a acordo para transmissão no Brasil.

As Andorinhas voltaram

Enfim agosto chegou, e com ele a normalização das transmissões de futebol europeu na TV. No fim de semana, já tivemos jogos do campeonato Francês e Português. Durante esta semana teremos a Super Copa da Europa no EI, Campeonato Português na ESPN, e no fim de semana terá a estreia do Campeonato Holandês e do Inglês, também na ESPN. Saudades do FOX Sports? Pois é, o canal do Tio Murdoch ficou apenas com Italiano, Alemão e Espanhol.

Carlos Salvador
fb.com/carlosaugusto.salvador
@calosalvador
Aqui é trabalho.
Que o homem é bom, todo mundo sabe. Mas que conseguisse narrar dois eventos em menos de 5 horas de intervalo, é novidade pra mim. Luis Roberto de Múcio foi monstruoso na transmissão da final do Grand Prix de Vôlei pela manhã, e também, competente como sempre, transmitiu Cruzeiro e Botafogo a tarde. Menos mal que faltou emoção no futebol, e o narrador não precisou gritar “gol”, nem impor a emoção de sempre.

Chegou ao fim
17 anos de um casamento que deu certo, mas chegou ao fim. Após todo esse tempo de emissora, Alexandre Oliveira e ESPN decidiram em comum acordo rescindir seu contrato de trabalho. O comentarista que chegou para trabalhar nas transmissões de Futsal, cresceu com o tempo. Foi para transmissões do Campeonato Russo as 6 da manhã, do Holandês as 8 da manhã, até que começou a participar de transmissões do italiano, espanhol, francês e inglês. Cresceu com a emissora, mas nos últimos tempos, perdeu um pouco o foco da seriedade. Eu particularmente, gostava de ver o Alê nas transmissões, mas a figura ficou desgastada com a participação diária no Bate Bola. Que volte logo as transmissões!

Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.