Header Ads

Milton Neves fala sobre desentendimento com Silvio Luiz em 2002

A história do desafeto entre Milton Neves e Silvio Luiz sempre ganha novos capítulos, e a o fato voltou a ser assunto mais uma vez. O apresentador foi convidado do 'Bolívia Talk Show', do Desimpedidos, e comentou sobre o desentendimento com o narrador. As informações são do Torcedores.com, por Dennys Carvalho.

Tudo aconteceu em 2002. A discórdia entre os dois ocorreu depois que Silvio Luiz se recusou a tirar o chapéu para Milton Neves, em quadro no Programa Raul Gil. O apresentador e o narrador teriam se esbarrado nos corredores da Record e Milton Neves teria lhe dado um chute na bunda.

- O Silvio Luiz passou anos… sabe aqueles programas que falam assim: – qual é a nota de fulano? qual é a nota de ciclano? todo lugar que ia, ele colocava o meu nome. Chegava uma hora que o apresentador falava os nomes do Ratinho, Raul Gil, Romário e perguntava: – o que você acha do João Havelange? eu acho isso. E do Milton Neves? esse eu não conheço. Era um azedume puro.

– Não fiz nada para ele. Eu fui o primeiro cara que falei o nome dele inteiro “Silvio Luiz Perez Machado de Souza”, porque trabalhamos juntos na Jovem Pan, mas o Silvio Luiz é um caso interessante. O Silvio, tudo o que ele fez na vida, menos apitar futebol, ele fez muito bem, agora, não precisa ser tão azedo. Ele conseguiu ser demitido da Rádio Bandeirantes, do BandSports e da Rede Bandeirantes de Televisão, tudo de uma vez. Então, pra que? ele não sossega o abacaxi, mas que ele tem história ele tem.

– Sobre o chute na bunda, foi na Copa do Mundo de 2002. Eu estava dormindo no meu camarim, a copa era de madrugada e ele tava gravando o Raul Gil. Eu tinha mostrado no domingo anterior, o livro da vida dele, elogiado ele no ar, no Terceiro Tempo da Rede Record e aí, fomos na beirada do estúdio, com o Luis Claudio (presidente da Record) e o Edu Zebini (Fox Sports), até o Flávio Prado que gosta muito do Silvio me cumprimentou: – poxa, o Silvio Luis vive falando mal de você e você mostrou o livro dele; eu disse: – claro! ele é azedo, mas é gente boa.

– Aí na saída do estúdio, ele veio, baixinho e eu disse: – ô Silvio Luiz, você falou pela milésima vez que não me conhece, mas eu conheço você muito bem, tanto que mostrei o seu livro no programa. Você poderia dar um autógrafo para mim? e ele fez menção de cuspir no chão ou coisa parecida, ele se virou, segundo consta que eu teria dado um chute na bunda dele, isso eu nem lembro.

– Eu estava tão puto aquele dia que… sei lá, teria arrancado a cabeça dele, que inclusive é maior que a minha, e eu estava preso. Ia ser bem pior. Eu soube que ele subiu e desceu, mas não lembro de ter chutado não. Eu desejo muita saúde para ele. No ranking dos maiores narradores do Brasil, ele está no TOP-3, atrás de Galvão Bueno e Luciano do Valle.

Assista a entrevista na íntegra no player abaixo.



Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.