Executivo do Santos acusa repórter de avisar árbitro sobre pênalti no jogo contra o Flamengo

O executivo de rádio e TV do Santos, Fabiano Farah, acusou um repórter de ter avisado ao quarto árbitro da partida contra o Flamengo de que não havia sido pênalti de Réver em Bruno Henrique. Em uma conversa com um torcedor no Twitter, Farah não citou qual repórter seria, mas pediu para que fosse cobrado. As informações são do UOL Esporte.

SAIBA MAIS
Santos estuda pedir anulação de jogo com Flamengo por ver interferência de repórter da Globo

Não é a primeira vez que o Santos é prejudicado nos últimos três anos, e o Modesto nunca fez nada de prático. Vamos aguardar”, disse o torcedor, que foi respondido por Farah: “Vamos. Agora cobre também o repórter que emitiu opinião para p banco do Flamengo e repassou ao quarto árbitro. E aí?”.

Mesmo não tendo seu nome citado, Eric Faria foi ao Twitter responder as acusações de que teria sido ele o responsável pelo aviso. “Alguns me acusam de ter falado com o quarto arbitro. Leviano. Mentiroso. Quem estava mais perto dele? O Levir Culpi. Cuidem de suas frustrações”.

Antes disso, Eric Faria entrou ao vivo no 'Redação SporTV' para falar sobre o que viu no momento da confusão. O repórter chamou de “arriscada” a decisão do quarto árbitro, Flavio Rodrigues de Souza de comunicar o árbitro Leandro Vuaden.

“Acho que o quarto árbitro arriscou demais ao tomar uma decisão quando o Vuaden estava mais perto”, afirmou Faria. O repórter estava em uma posição próxima ao quarto árbitro e dos técnicos Levir Culpi e Zé Ricardo no momento do lance.

“Eu estava onde fica o banco do visitante, que é onde fica o quarto árbitro. A visão que ele tem é a mesma que eu tinha. Na hora, era um lance difícil de você avaliar em 30 segundos, 10 segundos, que seja. A visão do quarto árbitro era exatamente a mesma”, continuou.

Por causa da demora na decisão de Vuaden, que voltou atrás na marcação, chegou a haver reclamação de interferência externa. Eric Faria, porém, disse achar difícil que possa ter acontecido.

“Dizer que houve ou que não houve interferência externa, não temos como dizer, mas acho que o tempo em que o quarto árbitro chamou o Vuaden para conversar é muito pequeno para alguém passar alguma mensagem. Acho que é muito pouco tempo. Não vou afirmar nada, mas acho pouco tempo”.

Veja o lance na narração de Luis Roberto na transmissão da Globo.



Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.



Executivo do Santos acusa repórter de avisar árbitro sobre pênalti no jogo contra o Flamengo Executivo do Santos acusa repórter de avisar árbitro sobre pênalti no jogo contra o Flamengo Reviewed by Ribamar Xavier on 27.7.17 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.