Header Ads

TV A Crítica consegue liminar e muda horário de jogo do Amazonense no dia da partida

Partida entre São Raimundo e Rio Negro foi antecipada em 01h00 (Gabriel Mansur/Globoesporte.com)
O horário da partida entre Rio Negro e São Raimundo, no último sábado (18), em Manaus, pela primeira rodada do Campeonato Amazonense, pegou todos de surpresa. Marcado para começar às 16h00 (locais), o jogo foi antecipado e iniciou às 15h23, para atender a TV A Crítica (afiliada Record), detentora dos direitos de transmissão. De acordo com o Globoesporte.com, por Silvio Lima e Gabriel Mansur, a alteração ocorreu no início da tarde do dia do jogo e ninguém da Federação Amazonense de Futebol (FAF) ou clubes avisaram à torcida.

A decisão fere o Estatuto do Torcedor, que estabelece que a entidade organizadora da competição tem de anunciar a mudança no horário ou no local da partida até 48 horas antes do jogo. A mudança repentina ocorreu porque a FAF tinha assinado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), junto ao Ministério Público Federal, que estabelecia que as partidas do Campeonato Amazonense deste ano deveriam ser realizadas somente a partir das 16h00. O termo foi acordado porque em 2016 houve muita reclamação em relação aos jogos realizados às 11h00.

De acordo com o assessor jurídico da FAF, Antônio Policarpo, a mudança repentina ocorreu porque a TV conseguiu uma liminar no próprio sábado para que os jogo fosse alterado para às 15h00 e tiveram que correr para antecipar o jogo e acatar o novo horário. Segundo o dirigente, os torcedores que entraram no estádio após o início, serão ressarcidos.

"Todo o pessoal (torcedor que entrou depois do jogo) terá seu ingresso ressarcido. Isso está monitorado na portaria do estádio", disse, ao acrescentar:

"Nós não mudamos de ideia. A televisão, que é a principal patrocinadora e repetidora do jogo, conseguiu uma liminar, um documento, e conseguiu que o jogo fosse para às 15h00. E aí nós tivemos o contratempo de correr atrás. Mas deu tudo certo", completou.

O diretor de competições da FAF, Ivan Guimarães, confirmou que a federação foi pega de surpresa pela decisão, e teve que avisar clubes e arbitragem às pressas para que a partida começasse no horário estipulado, com o menor atraso possível. Ele cogita que os jogos que estão marcados para os próximos sábados, às 16h00, também tenham o horário modificado.

"Decidiram momentos antes, por volta das 14h00. Parece que a televisão conseguiu alguma coisa na Justiça e mandou antecipar o jogo. O jurídico da Federação, representado pelo dr. Policarpo Rios, avisou os times e a arbitragem. A tendência é que sempre um jogo de sábado seja transferido para 15h, a partir de agora, mas ainda vamos ver como vai ficar", disse.

Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.