Header Ads

Murici FC divulga nota de repúdio contra repórter da Rádio Itatiaia

Deputado e radialista, João Vitor Xavier (Divulgação)
Marcado para a próxima quarta-feira (8) no Estádio José Gomes da Costa em Murici/AL, o duelo entre a equipe alagoana, dona da casa e o Cruzeiro, seria apenas mais um da terceira fase da Copa do Brasil. No entanto, ganhou destaque maior por conta de críticas de radialista mineiro, consideradas ofensivas pela direção do Murici, que emitiu uma nota de repúdio. As informações são do Minuto Esportes, por Paulo Chancey Junior.

Logo que foi confirmado o confronto e as datas, especulava-se que o duelo entre Murici e Cruzeiro seria realizado no Estádio Rei Pelé em Maceió, que apresentaria melhor condições estruturais e de arrecadação para o time alagoano.

No entanto, a partida foi mantida para o José Gomes da Costa, na Zona da Mata alagoana, servindo como uma “arma” para a equipe, que já eliminou times tradicionais como Juventude e América Mineiro.

A decisão incomodou radialistas mineiros, que utilizaram da bancada da Rádio Itatiaia de Minas Gerais, que chegaram a criticar de forma ofensiva o time, a estrutura e o Estado de Alagoas.

As palavras foram proferidas pelo âncora do programa, João Vitor Xavier, que também é deputado estadual, colocando a decisão como política por parte dos alagoanos.

“Me assusta essa inoperância do Cruzeiro junto a CBF, falta de força para mudar o local do jogo. Sabemos que o Murici tem força política, é a cidade do Renan Calheiros, e consequentemente do filho do Renan Calheiros, que hoje é governador do Estado. Acho que valia um trabalho de bastidores do Cruzeiro, para que esse jogo fosse retirado de lá. O gramado não dá condições de jogo”, disse João Vitor.

João Vitor ainda reforçou com certa ironia. “ Se o Cruzeiro perder para o Murici. Olha o tamanho do Cruzeiro e do Murici. Um Estado do tamanho de Minas Gerais, importância para o futebol nacional, perder para Alagoas, que é insignificante para o futebol e um time do Cruzeiro perca para um clube como o Murici nos bastidores”, completou, demonstrando a sua revolta.

Diante disso, o Murici vem recebendo apoio de clubes como ASA, CSA e CRB e a FAF irá tomar parte do caso e se pronunciar da mesma forma. A equipe alagoana emitiu uma nota de repudio contra as declarações.

NOTA DE REPÚDIO AO RADIALISTA JOÃO VITOR XAVIER, DA RÁDIO ITATIAIA FM, MINAS GERAIS

– O comunicador fez comentários infelizes sobre a equipe do Murici F. C., que enfrenta o Cruzeiro-MG nesta quarta-feira (08), pela 3ª fase da Copa do Brasil. Que o citado a imprensa nacional tomem conhecimento desta nota.

A diretoria do Murici Futebol Clube, torcedores e todo o futebol alagoano manifestam total repúdio às declarações do radialista João Vitor Xavier, da Rádio Itatiaia FM, de Minas Gerais, feitas na última semana durante o programa “Bastidores”, no qual é apresentador. João Vitor usou o microfone aberto da emissora, com completa prepotência e rispidez, para menosprezar e subestimar o Murici F.C., chegando a chamar de ‘insignificante’ o Alviverde e se equivocar ao dizer que o Estado de Alagoas não tem representatividade no futebol, quando por aqui temos grandes clubes como CRB, CSA, ASA e o próprio Murici F. C.. A tentativa de diminuir o futebol alagoano deve ser combatida, principalmente quando um comunicador do Sudeste, que desconhece a garra do nosso futebol, usa a mídia falada para dejetar comentários rasteiros e mostrar sua estupidez.

O Estádio José Gomes da Costa – casa do Murici F. C. –, que também foi alvo de críticas do radialista, tem total condições de receber qualquer partida de futebol, uma vez que foi inspecionado, aprovado e recebeu alvará pelos órgãos de fiscalização (Corpo de Bombeiros e Federação Alagoana de Futebol), e atualmente está sediando jogos do Campeonato Alagoano. É importante frisar que não houve manobra para que o jogo entre Murici e Cruzeiro fosse realizado em nosso estádio, como insinuou o próprio radialista. Simplesmente o mandante da primeira partida da fase – no caso, o Murici F. C. – decide onde quer jogar, sob condições preestabelecidas pela CBF. Não abrimos mão de atuar em nossa casa!

Nosso time é grande no futebol e no respeito ao adversário. Lutamos para chegar na Copa do Brasil, onde já enfrentamos times como Flamengo-RJ, Juventude-RS e América-MG, e teremos o enorme privilégio de duelar contra o Cruzeiro.

Senhor João Vitor Xavier, o Murici é ‘150 vezes maior’ que a sua insignificância! #RespeitaAlagoas

Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.