Header Ads

Albio Melchioretto #132: Pelos hermanos na televisão

Colunista defende transmissão do futebol argentino no Brasil (Reprodução)
O pensador argentino Enrique Dussell, durante o século passado escreveu em diversos livros inúmeras linhas sobre a defesa das maiorias mostrando-se um crítico da força hegemônica das minorias. Segundo ele, a elite dominante excluíam as vítimas das "mesas de negociações" e das comunidades de comunicação dominantes. Nesse contexto, Dussell defende uma ética de afirmação da vida humana frente ao assassinato e suicídio coletivo ao qual a humanidade se encaminharia ao não alterar o seu modo de ação irracional. Na práxis libertadora o pensador afirmava a América para os americanos.

Albio Melchioretto
albio.melchioretto@gmail.com
@amelchioretto
Tomo a ideia de Dussell para reclamar publicamente da ausência do futebol sul-americano nos canais esportivos. Não valorizamos o que é nosso. E o argumento de choque com um futebol europeu não é verdadeiro, pois os jogos acontecem em horários diferentes. O BandSports não tem mais o colombiano; o argentinão é uma nova mexicana; e por falar do Tequilão, somente via internet; o Uruguai mostrou alguns clássicos e morreu ali. A Fox tem priorizado a Copa do Brasil, invés dos jogos daqui e a Champions da Concacaf é mera degustação de final. Pareço um grande reclamão? Não, pois aqui há grande lacuna.

Campeonatos sul-americanos mostram bons resultados na televisão brasileira. É um espaço de mercado que atrai aficionados do futebol e sempre há o tom da curiosidade. Além de permitir uma análise do que está acontecendo em nossa volta. A valorização de nossos vizinhos, em nossa mídia, também é a valorização do nosso futebol. E vou além, se houvesse maior espaço, poder-se-ia pensar o intercâmbio de profissionais e informações, uma comunicação entre os que compõe nosso continente, e não apenas o futebol brasileiro e seu interesse européico. Mas até agora, tudo parece voltar-se para o centro do mundo. Este centro esquece-se irracionalmente que a práxis libertadora se direciona numa ética de pensar o outro, e não apenas o que é hegemônico. Por mais futebol sul-americano na televisão.

Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.