Colunista põe em xeque continuidade da Liga dos Campeões no Esporte Interativo

Direitos das temporadas 2019/2020/2021 serão definidos ainda este ano (Reprodução)
Os direitos de transmissão da Liga dos Campeões da UEFA, relativos ao triênio 2019, 2020 e 2021 serão disputados ainda este ano. Na TV aberta, hoje eles são da Globo, e do Esporte Interativo na fechada.

De acordo com o UOL, por Flávio Ricco, não há indicativos de mudanças no sistema aberto. A Globo, como vem fazendo há muito tempo, deve continuar, tabelando com a Band, também como sempre foi.

Na TV fechada, o colunista lembra que em 2019, o Esporte Interativo passa a pagar aos clubes brasileiros, com os quais ele fechou pelos direitos do Brasileirão, indicando que isso pode ter influênciar na proposta da emissora da Turner.

Ainda segundo ele, há estimativas que serão destinados entre R$ 500 milhões e 600 milhões/ano, para fazer frente ao acertado com os clubes daqui. A competição custa algo em torno de U$ 45 milhões/ano.

"Juntando os dois, dá uma grandeza. Evidente que é um dinheiro que cabe no bolso da Turner, mas resta saber se ela está disposta a gastar. É uma bala respeitável", pondera.

Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.



Colunista põe em xeque continuidade da Liga dos Campeões no Esporte Interativo Colunista põe em xeque continuidade da Liga dos Campeões no Esporte Interativo Reviewed by Ribamar Xavier on 23.2.17 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.