Header Ads

Renato Maurício Prado 'retorna' ao FOX Sports como convidado do 'Expediente Futebol'

Renato Maurício Prado detonou Felipe Melo no programa do FOX Sports (Reprodução)
Ausente da televisão desde que pediu demissão do FOX Sports em agosto do ano passado, após os Jogos Olímpicos Rio-2016, o ex-apresentador do programa 'A Última Palavra', Renato Maurício Prado, retornou a emissora, nesta segunda-feira (16) como convidado da mesa futebolística 'Expediente Futebol'.

"Estava com saudade de me ver na telinha? Pois hoje vou lá no Fox Sports tomar um café com os amigos e, como convidado, dar uns pitacos no Expediente Futebol, que começa às 17:30. Nos vemos lá!", avisou ele nas redes sociais.

CRÍTICA A FELIPE MELO

De acordo com o UOL Esporte, Renato Maurício Prado detonou Felipe Melo no programa. Ele demonstrou inconformismo com avaliação positiva do comentarista Fábio Sormani. ''Assisti você falando no Fox Sports Rádio de um jogador que calculo que deve ser uma simbiose do Paulo Roberto Falcão com Andrade, com Franz Beckenbauer, Lothar Matthäus e talvez o Zico. Todos eles misturados dão esse jogador que você falou'', ironizou.

''O Felipe Melo que vocês conhecem decididamente não é o jogador que eu conheço. Realmente, vocês estão imaginando um jogador que está no imaginário de vocês, porque no futebol, até hoje mesmo, não fez nem 10% do que vocês acham que ele vai fazer'', detonou.

O jornalista e o volante brigam na justiça. Em 2013, Prado escreveu uma coluna no jornal O Globo criticando Felipe Melo. Na oportunidade, disse que o atleta não jogava ''bulhufas'' no Flamengo e que só trazia problemas, nunca soluções. Em resposta, o jogador escreveu em sua conta no Facebook que o jornalista era “corno, chifrudo, babaca e covarde''. Por causa disso, Prado resolveu processar Melo. No entanto, o jogador, então na Inter de Milão, ganhou em primeira instância e receberá R$ 3 mil, mais os honorários de seu advogado de R$ 5 mil.

''Único passe que todo mundo lembra é o passe para o Robinho fazer o primeiro gol contra a Holanda'', criticou, uma vez mais, recordando a marcante partida da Copa de 2010 que implicou a eliminação brasileira, de virada, derrota por 2 a 1, com gol contra e expulsão de Felipe Melo.

''Felipe Melo pra mim é uma bomba-relógio, ali o Palmeiras sempre vai entrar em campo com dez. Quanto tempo vai jogar com dez ou onze, a gente vai ver aí'', atacou novamente, Renato. ''Todos os clubes onde passou fez lambança'', acrescentou, com direito à corneta ao analisar também o seu clube de coração, Flamengo.

Curta nossa página no Facebook.
Siga o Esporteemidia.com no Twitter.
Nos acompanhe no Google+.